[Resenha] Inesquecível, de Jessica Brody

19 junho 2017
Postado por Livy

ISBN: 9788579803000
Série: Unremembered, vol. 1
Ano de Lançamento: 2017
Número de Páginas: 336
Gênero: Romance/ Ficção Científica
Selo: Rocco Jovens Leitores
Editora: Rocco
♥ livro cedido pela editora
Classificação: ★★
Sinopse: Após um acidente aéreo, uma garota é encontrada ilesa e sem memória em meio aos destroços em pleno oceano Pacífico. Ela não estava na lista de passageiros da aeronave e seu DNA e suas impressões digitais não são reconhecidos em nenhum lugar do mundo. Sua única esperança é um garoto estranho e sedutor que afirma conhecê-la. E que eles eram apaixonados um pelo outro. Mas será que ela pode confiar nele para recuperar seu passado e descobrir quem ela realmente é? Inesquecível é o primeiro volume de uma trilogia romântica com tintas sci-fi. A autora, Jessica Brody, que tem outros livros publicados no Brasil, como A Amante Infiel e Karma Club, constrói uma história de amor apaixonante e repleta de elementos de ficção científica e de suspense.
Inesquecível é o primeiro volume de uma trilogia, da autora Jessica Brody. O legal aqui é que a sinopse muito pouco entrega sobre o que encontraremos na trama: romance? Suspense? Aventura? Um thriller psicológico? Ficção Científica? São N possibilidades que instigam ainda mais a curiosidade para o que nos aguarda em suas páginas. E posso dizer que fui surpreendida! Não esperava uma história deste nível, ainda mais com a pegada juvenil que ele traz. Muito menos esperava que ficaria tão envolvida com os acontecimentos, o que garantiria uma leitura de UM DIA! Sim, meus caros, essa pessoa que vos fala leu este livro em apenas um dia, ávida que estava para desvendar os mistérios por trás de nossa protagonista sem memória.

Começamos o livro com um acidente de avião que caiu no meio do Oceano Pacífico. Em meio aos destroços, apenas uma sobrevivente: uma garota de dezesseis anos, com estranhos olhos violeta e sem memória, carinhosamente chamada de Violet. Além de não lembrar quem é e de onde veio, curiosamente ela não consta nos registros da companhia aérea e não constava na lista de passageiros. Suas impressões digitais e seu DNA também não trazem qualquer resultado nas buscas e nenhum parente a procura. Tudo o que lhe resta é um lindo medalhão com uma inscrição S + Z = 1609. O que isso significa? E quem é o estranho rapaz, chamado Zen, que garante conhecê-la, que traz um alerta consigo, e com o qual ela parece ter uma forte ligação ?

Comentários via Facebook

[Resenha] Cinder, de Marissa Meyer

08 junho 2017
Postado por Livy

ISBN: 9788579801525
Tradução: Maria Beatriz Branquinho da Costa
Série: Crônicas Lunares
Gênero: Releitura/ Ficção Distópica
Ano de Lançamento: 2013
Número de Páginas: 448
Editora: Rocco
♥ livro cedido pela editora
Classificação: ★★
Sinopse: Num mundo dividido entre humanos e ciborgues, Cinder é uma cidadã de segunda classe. Com um passado misterioso, esta princesa criada como gata borralheira vive humilhada pela sua madrasta e é considerada culpada pela doença de sua meia-irmã. Mas quando seu caminho se cruza com o do charmoso príncipe Kai, ela acaba se vendo no meio de uma batalha intergaláctica, e de um romance proibido, neste misto de conto de fadas com ficção distópica.
Hoje vim falar de Cinder com vocês. Fazia muito tempo que queria começar a ler a série Crônicas Lunares e finalmente posso fazer parte do time que recomenda a leitura, com este primeiro livro. E, para minha grata surpresa, fui presenteada com uma trama original e que ultrapassou minhas expectativas.

Cinder é uma ciborgue. Humana, com partes mecânicas, vivendo em Nova Pequim, sob a tutela de Adri, sua implacável madrasta, e a convivência das "irmãs". Mesmo sendo considerada uma abominação tecnológica, Cinder se tornou uma famosa mecânica, consertando todo tipo de coisas, desde acessórios até robôs, aerodeslizadores e afins. E é justamente essa fama que atrai o jovem Príncipe Kai (fofo) até seu estande na feira onde trabalha, para que conserte seu androide. Mas a letumose, uma grave doença que assola os humanos, traz uma mudança drástica na vida de Cinder, assim como tudo que ela conhecia e sabia sobre si mesma.

Entre experiências em laboratório para achar uma cura; uma eminente Guerra quase declarada aos humanos pela rainha lunar, Levana; conspirações; antigos segredos sendo revelados; um Príncipe encurralado entre costumes e suas escolhas para o bem da Comunidade; e uma ciborgue destemida, temos um livro recheado de elementos que empolgam e garantiram uma das minhas melhores leituras do ano!

Comentários via Facebook

Crítica Filme Mulher Maravilha

05 junho 2017
Postado por Livy


Só queria dizer que assisti ao filme da Mulher Maravilha. QUE FILME! Sério! Lacre? Esse filme ultrapassa o lacre! Superou todas as minhas expectativas! 
Treinada desde cedo para ser uma guerreira imbatível, Diana Prince nunca saiu da paradisíaca ilha em que é reconhecida como princesa das Amazonas. Quando o piloto Steve Trevor se acidenta e cai numa praia do local, ela descobre que uma guerra sem precedentes está se espalhando pelo mundo e decide deixar seu lar certa de que pode parar o conflito. Lutando para acabar com todas as lutas, Diana percebe o alcance de seus poderes e sua verdadeira missão na Terra.
Gal Gadot está simplesmente maravilhosa, fazendo jus ao título de sua personagem! E ela entrou, vestiu, respirou, encarnou, possuiu o papel. Era visível nos olhos dela toda a emoção e todo o sentimento em cada situação enfrentada e a cada descoberta. Perfeita! Ela nasceu para ser Mulher Maravilha.

O elenco ainda conta com outras atuações maravilhosas de Connie Nielsen como Rainha Hipólita, Chris Pine como Steve Trevor, Robin Wright como Antíope, Elena Anaya como Doutora Veneno, Danny Huston como General Ludendorff, entre outros.

Comentários via Facebook

[Resenha] A Magia da Raposa, de Inbali Inserles

23 maio 2017
Postado por Livy

ISBN: 9788579802959
Série: FoxCraft, vol. 1
Ano de Lançamento: 2017
Número de Páginas: 272
Gênero: Fantasia/ Animais
Selo: Rocco Jovens Leitores
Editora: Rocco
♥ livro cedido pela editora
Classificação: ★★★★
Sinopse: Destemidas, solitárias, trapaceiras, pouco confiáveis... Seja em fábulas ou ditos populares, o imaginário coletivo não tem sido muito generoso com as raposas. A inglesa Inbali Iserles, uma autora premiada e apaixonada por animais, convida os leitores a conhecer melhor esses seres incríveis com a série Foxcraft, uma emocionante trilogia de fantasia protagonizada por uma raposa filhote. Isla vive nos limites das terras dos sem-pelo (os humanos) e está começando a desenvolver suas habilidades. Um dia, ao retornar para sua toca, ela está em chamas e cercada por raposas estranhas. E sua família não está em lugar nenhum. Forçada a fugir, Isla escapa para o frio e cinza mundo dos sem-pelo e é caçada por um inimigo cruel. Para sobreviver e encontrar sua família, Isla precisará dominar a antiga arte das raposas – poderes mágicos conhecidos apenas por elas – e desvendar os segredos da Foxcraft.
Sou apaixonada por raposas desde sempre! Então imaginem minha alegria ao ver uma série de livros em que temos como protagonista uma raposa? Amei, claro! A Magia da Raposa, é o primeiro livro da série FoxCraft, da autora Inbali Inserles. Fiquei encantada com o enredo e essa leitura foi uma surpresa muito agradável.

Isla, nossa raposa filhote, vive com sua família numa toca próxima à cidade, no Matão. Apesar do perigo de se viver tão próximo aos seres humanos, que a tudo dominam, a vida ali é boa. Até que sua família sofre um ataque de um bando de cruéis raposas. Agora, sozinha, Isla terá que se virar e desbravar um mundo do qual mal conhece em busca daqueles que ama. Em sua jornada, ela descobrirá mais sobre si mesma e sobre toda a magia que envolve ser uma raposa.

O diferencial desta história é que ela é toda contada sob a perspectiva de Isla, e é tão gostoso ver toda a inocência, curiosidade e personalidade desta amável raposinha. Com o tempo, e todos os acontecimentos, ela vai evoluindo, aprendendo, se tornando uma raposa mais esperta, determinada e cautelosa. Sua coragem e força ao enfrentar todas as adversidades e em seguir em frente para encontrar sua família, é linda.

Inbali Inserles criou uma história com uma narrativa gostosa, que traz magia e personagens carismáticos, e com uma certa pureza que é rara de se ver nos livros de hoje. A aventura de Isla é uma jornada de descobertas, cheia de mensagens: como coragem, força, determinação, amizade, amor, família, fé. Além de que me fez refletir sobre como nos posicionamos na sociedade, uns com os outros, e em como o mundo precisa mesmo de mais amor e empatia.

Apesar de toda a doçura da trama deste juvenil, ainda assim senti que o desenvolvimento da história foi mais longo do que o necessário, em alguns momentos se arrastando um pouco, mas nada que prejudique a leitura. Em nada isso faz com que o livro perca toda a magia e encanto que o permeia, apenas é uma leitura gostosinha para passar o tempo. Mas creio que para o público alvo, é um prato cheio!

Uma coisa que eu não posso deixar de mencionar é o quanto esta edição está maravilhosa. Cada capítulo traz uma linda ilustração e estou apaixonada pela capa!

A Magia da Raposa é um livro enternecedor. Com uma protagonista que traz inocência e determinação em ótimas medidas, e uma trama que nos fala de força e fé, envolta em uma magia deliciosa. Este livro é nada menos que encantador.

Comentários via Facebook

[Resenha] O Sorriso da Hiena, de Gustavo Ávila

22 maio 2017
Postado por Livy

ISBN: 978-8576865940
Ano de Lançamento: 2017
Número de Páginas: 266
Gênero: Thriller Psicológico 
Editora: Verus
Classificação: ★★
Sinopse: Atormentado por achar que não faz o suficiente para tornar o mundo um lugar melhor, William, um respeitado psicólogo infantil, tem a chance de realizar um estudo que pode ajudar a entender o desenvolvimento da maldade humana. 
Porém a proposta, feita pelo misterioso David, coloca o psicólogo diante de um complexo dilema moral. Para saber se é um homem cruel por ter testemunhado o brutal assassinato de seus pais quando tinha apenas oito anos, David planeja repetir com outras famílias o mesmo que aconteceu com a sua, dando a William a chance de acompanhar o crescimento das crianças órfãs e descobrir a influência desse trauma no desenvolvimento delas. Mas até onde William será capaz de ir para atingir seus objetivos? Em O sorriso da hiena, o leitor ficará fisgado até a última página enquanto acompanha o detetive Artur Veiga nas investigações para desvendar essa série de crimes que está aterrorizando a cidade.
Quando criança, ele foi obrigado a assistir seus pais sendo torturados e mortos. Vinte e quatro anos se passam. Ele se tornou um frio assassino, que recria a cena que vivenciou com seus olhos inocentes... Vez após vez.

"Será que meu trauma de infância foi capaz de me transformar nisso que sou hoje ou eu nasci para ser assim? Será que eu nasci um monstro?" 

Será que o ser humano já nasce mal ou se torna mal devido acontecimentos em sua vida? Ser ruim é uma escolha ou algo inerente da natureza do indivíduo? É possível justificar um ato de crueldade quando há intenção com este ato era fazer o bem?

É querendo descobrir sua natureza assassina que ele procura William, um renomado psicólogo infantil que há muito tempo fez uma tese sobre a natureza humana. Seria possível impedir que o mal aflorasse? Chegara a hora de provar se a tese estava certa ou errada!

Por trás disso tudo ainda temos Artur, um detetive com Síndrome de Asperger, que fará de tudo ao seu alcance para descobrir a identidade do assassino e os motivos que o levam a matar tão cruelmente.

Comentários via Facebook

Veja os antigos!

Banner Publicidada – rodapé

Todos os textos, fotos e resenhas publicados são produzidos por e de uso exclusivo de No Mundo dos Livros. Exceto quando alguma matéria se baseia/inspira em alguma fonte, a mesma será sempre citada. Por isso, por favor, não copie nenhuma postagem sem a devida autorização.

Desenvolvimento com por