Resenha: Não Sou Este Tipo de Garota de Siobhan Vivian

08 agosto 2011
Postado por Livy




Não Sou Este Tipo de Garota
Siobhan Vivia

Tradução: Marsely de Marco Martins Dantas
ISBN: 9788563219381
Ano: 2011
Número de páginas:
248
R$
24.90
Editora: Novo Conceito 
Pontuação: ♥ ♥ ♥ ♥  
Sinopse: “Na minha visão de veterana, a orientação aos calouros é uma perda de tempo colossal. Se fosse por mim, as coisas seriam bem diferentes. Somente três coisas seriam transmitidas aos garotos para que vivessem uma experiência de sucesso no ensino médio: fazer a lição de casa, usar camisinha e passar desodorante nos sapatos de couro. Por outro lado, ao aconselhar as meninas, diria que confiar em garotos é igual a beber e dirigir. O fato de se tomar uma ou duas cervejas nunca parece perigoso no começo. Mas para mim, era óbvio: por que alguém iria correr o risco? (...) Era o tipo de informação que poderia salvar a vida de uma garota (...) Momentos constrangedores tinham uma vida útil surpreendente na escola (...)” A vida é feita de escolhas, e Natalie Sterling se orgulha de suas decisões. Mas será que agora conseguirá escolher o caminho certo? Ainda continuará sendo o mesmo tipo de garota até a formatura? Este era seu último ano do colégio. Entrar na universidade, ser presidente do conselho estudantil e passar todos os dias com sua melhor amiga era tudo o que Natalie havia planejado. Ela sempre foi estudiosa, a melhor da classe. Não era o tipo de garota comum na Academia Ross, pois se reocupava muito com sua reputação. Talvez até demais. Então, para sua surpresa, no início das aulas, uma caloura a reconhece por tê-la tido como babá anos atrás. Desse reencontro surgirão muitos acontecimentosem que Natalie será obrigada a fazer difíceis escolhas para os dilemas de sua vida no ensino médio, como qualquer adolescente. Seu último ano será repleto de decisões, indecisões, julgamentos e paixões, tornando-se inesquecível. Seus planos sofrem uma reviravolta e sua vida fica de pernas para o ar, tudo o que ela não desejava inicialmente.


Tenho certeza que nesta resenha não vou conseguir expressar tudo o que pensei ao ler o livro. E de cara já peço desculpas para vocês, pois eu tenho certeza que se for colocar tudo o que senti, pensei e achei, a resenha ficaria enorme, e eu soltaria um monte de spoilers (coisa que eu particularmente abomino, e sei que muitos de vocês também). Então eu vou tentar mostrar o que achei do livro sem me estender demais (para não ficar chato) e sem soltar nada revelador da estória (para que vocês não me matem). Ok?

Perversa ou Inofensiva? Confiável ou Hipócrita? Controlada ou Insensata?

A estória de Não Sou Este Tipo de Garota é simples, leve e muito fácil de ler (li em apenas algumas horas). Eu adoro quando o livro é tão gostoso que você nem vê as horas passarem e também não vê a hora de terminá-lo para ver como tudo acaba. E ainda, depois de terminar a leitura, fica triste porque gostaria que o livro tivesse pelo menos mais umas 400 páginas. E o livro de Siobhan Vivian é justamente deste jeitinho.

Natalie Sterling é uma garota sincera, durona e muito teimosa,  fã de Amelia Earhart (foi pioneira na aviação dos Estados Unidos, autora e defensora dos direitos das mulheres) e do feminismo, que espera realizar suas metas da melhor maneira possível, juntamente com sua melhor amiga Autumn e com um desprezo por garotos que chega a doer. Mas este último fato tem uma boa razão de ser, afinal sua amiga sofreu bullying justamente por causa de um garoto. Depois disso elas se uniram, e Natalie foi a única que apoiou Autumn, o que as tornou inseparáveis. Mas eis que surge Spencer (uma garota de quem Natalie foi babá), com quatorze anos de idade, e ela vai colocar tudo o que Natalie conhece de pernas para o ar. Afinal, Spencer está muito diferente do que costumava ser, e é exatamente o tipo de garota que Natalie jamais seria, e jamais irá ser.

Mas então a gente para para pensar se, apesar de elas serem e acreditarem em coisas totalmente opostas, se são tão diferentes assim. Por que o jeito de Spencer incomoda tanto Natalie? Será que todos os garotos da escola são realmente terríveis como Natalie pensa, mostrando serem canalhas e quererem apenas transar com as garotas? E será que aquele garoto lindo, chamado Connor, que dá a maior bola para Natalie, e que parece gostar verdadeiramente dela, é deste tipo de garoto? Ou será que ele é diferente? Será que ela pode confiar nele? Será que ela está totalmente certa?
É em meio a tantas dúvidas e muitas descobertas que Natalie vai perceber que nem tudo que acha errado, é tão errado assim. E que tudo aquilo em que acredita ser certo e correto, pode ser colocado à prova a qualquer momento, e desmoronar. E o mais importante: amigos podem ser diferentes de você, mas os verdadeiros amigos, mesmo com diferenças, vão te aceitar exatamente como você é. 

Eu particularmente me irritei um pouco com a Natalie, pois ela é muito teimosa e orgulhosa. Seu desprezo pelos garotos tem fundamento, mas chega a ser um pouco irracional. Ela é mandona, inteligente e espera sempre estar com a razão. E este é seu maior problema, afinal, ela não cede fácil, o que torna muitos de seus caminhos dificieis. Ela não se diverte, ela não dá risada, ela não brinca... Tudo gira em torno de sua amiga Autumn, e do que ela sofreu. Ou seja, ela se anula por causa da amiga, mas até mesmo Autumn sente falta de diversão, etc. Ela se preocupa muito com o futuro, com a faculdade em que vai entrar e em ser presdente do conselho estudantil (o que não é ruim, longe disto), mas ela é uma garota e não tem nada de divertido em sua vida. O que acontece é que ela não sabe equilibrar as coisas e seus próprios sentimentos, e acaba sendo uma pessoa fechada e sem amigos. Apesar disto tudo, ela é muito esforçada e procura causar uma boa impressão na Srta. Bee, que é a orientadora do conselho estundatil e professora na Academina Ross. Esta por sua vez espera muito de Natalie, e quando as coisas não estão saíndo como o esperado, ela é uma das que repreendem Natalie (o que a deiza apovorada, e com uma imagem muito severa de si mesma).
Pensei no meu retrato de veterana pendurado na parede da biblioteca. Todas aquelas garotas de olhar poderoso, assim como a jovem Srta. Bee. Realizadas, sérias. E então eu,  a Presidente Chupão. As pessoas no futuro iriam supor que eu tivesse dormido com vários para conseguir ser presidente do conselho estudantil. Aquela marca havia chupado toda a dignidade das minhas realizações. Seria para sempre lembrada como a piranha. 

Muitas vezes eu tive vontade de matar a Spencer que é uma garotinha que acha que sabe de tudo, e pode se cuidar sozinha, querendo chamar a atenção de todos para si.
Autumn, fica bem neutra nesta estória, o que é um pouco decepicionante, afinal ela é o que, muitas vezes, move Natalie.
Mike, o típico garoto machão e canalha, é o tipo de cara que se eu visse na minha frente ia querer socar. Ele é desprezível, arrogante e faz de tudo para prejudicar aos outros, praticando bullying sem dó.
Connor... Ah, Connor! É impossível não se apaixonar por ele (ele é muito fofo). Ele é o tipo de cara que nem notamos, até que ele vai chegando de fininho e vai ganhando espaço no seu coração. Apesar de ser um cara popular e muito bonito, é gentil, humilde e muito sincero. Este personagem me cativou, e me conquistou totalmente. (e tenho que dizer que muitas vezes quis matar a Natalie por não dar o devido valor).
- Você não tem ideia de como sou durona - disse a ele. Ele deu outro passo. Um garnde, fechando o espaço que havia entre nós. E então ele me beijou.   

Este é um livro tipicamente adoslecente, com temática bem jovem, mas o que me atraiu foi justamente os assuntos abordados e a ótima narrativa de Vivian. Temas como amizade, bullying, aceitação, sexualidade, adolescência, descobertas, feminismo, traumas, perdão, amor, e a descoberta de si mesmo. Aliás, Natalie descobre ser exatamente o oposto do tipo de garota que achava que era. Mas além desta mensagem de descobertas e aceitação, o fato de o livro nos trazer o tão temido bullying foi muito interessante. Afinal, a maior mensagem do livro é esta: se aceite como você é, não tenha medo de você. 
A narrativa, como já disse, é muito gostosa, e é em primeira pessoa, na visão de Natalie (o que torna a leitura mais agradável). A linguagem do livro é bem jovem e dinâmica, e eu me senti como se estivesse conversando com uma amiga, afinal a narrativa é envolvente.

Resumindo, este é um livro muito legal, que aborda assuntos ótimos, e nos faz refletir sobre o que realmente é certo ou errado, sobre as diferenças e sobre o perdão. Nos mostra que traumas podem ser superados, que amizades podem ser para sempre, e que é possível ser você mesmo, sem ter medo.

Recomendo, tanto para quem gosta de romance, quanto para quem gosta de livros juvenis. Ou até mesmo para quem está começando a pegar o gosto pela leitura agora. Para todas as fãs de chick-lit, de livros leves e divertidos, com uma pitada de humor e de moral. Ou até mesmo para quem adora ler de tudo um pouco, assim como eu. Vale a pena!


NOTA EXTRA:  
CAPA = 9
NARRATIVA = 10
ORIGINALIDADE = 8
PERSONAGENS = 9
HISTÓRIA = 9
NOTA GERAL = 9

Comentários via Facebook

24 Comentários:

  1. Já garanti o meu exemplar, só estou esperando chegar. Esse livro parece ser realmente bom pra fugir um pouco de livros paranormais. Pretendo ler assim que chegar.

    ResponderExcluir
  2. Nossa eu tenho uma vontade de ler esse livro! Todo mundo diz que é bom! A estória parece ser bem divertida!

    ResponderExcluir
  3. Mesmo com odos os defeitos eu adorei a Natalie, super me identifiquei com ela. A Autumn que me irritou um pouco (diversas vezes na verdade rs).
    Eu sentei pra ler de manhã e de tarde já tinha acabo. Achei a história uma delícia, super leve e bem descontraída. Terminei a leitura completamente apaixonada.
    Beijos xx
    http://sunriseshere.com

    ResponderExcluir
  4. A resenha ficou ótima! Estou com esse livro para ler aqui em casa, mas ainda não li!
    Parece bem legal!
    Bjus,
    Náh

    ResponderExcluir
  5. O livro parece ótimo!
    Deu pra perceber, na resenha, o quão empolgada você ficou com o livro!
    Ele parece delicioso de ser lido, com as temáticas muito bem abordadas!
    Adorei a resenha ;)
    Beijos!

    ResponderExcluir
  6. Socorroooooooo eu ja tinha decidido ler esse livro a muiiito tempo, mas agora, o que posso fazer para n sair desesperada para comprar??? Jesus amado tua resenha ficou perfeita, encantadora e eztremamente malévola (pois me condenou a comprar o livro) kkkkk
    Depois de tuas palavras tenho certeza d que vou amaaaar esse livro e n aguento d ansiedade para ler!
    beijokass

    ResponderExcluir
  7. Oi =]
    Na primeira vez que vi esse livro já me apaixonei. A capa é muito linda, e a história me pareceu ser legal.
    E pela sua resenha percebi que é mesmo. ^^ A vontade de ler esse livro só aumenta. *-*
    Adorei! =D
    Bjos!

    ResponderExcluir
  8. Aaah eu quero ele,parece super interessante! *-*

    ResponderExcluir
  9. *-*
    Nem sei quantas vezes ja disse que quero esse livro... kkkk
    ja perdi as contas!
    ainda nao li, mas amei sua resenha. perfeita!
    ja tava louca pelo livro imagina agora. :)
    Acho a historia mt legal, a capa linda, e o modo que vc falou como ela aborda varios assuntos na historia e mt interessante.
    *-*
    bjim

    ResponderExcluir
  10. Toda resenha que vejo desse livro fico mais curioso para ler, de cara com a capa linda eu ja queria, e quando li resenhas ai quis mais ainda!

    O livro trata muitas coisas legais, e a narrativa para fluir muito bem como você disse, é muito bom ler livros assim!

    ResponderExcluir
  11. adorei a resenha e estou louca pra ler esse livro!

    ResponderExcluir
  12. É exatamente o tipo de leitura que stou procurando, algo leve e divertido que nao tenha drama, sabe, um livro pra descontrair!

    @Jennifer13d

    ResponderExcluir
  13. Nossa eu quero muito ler esse livro, e cada vez que eu leio uma resenha dele sinto mais vontade ainda.

    ResponderExcluir
  14. eu estou ja garantindo meu exemplar eu ameiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii !Nota 100000000. amo esse site

    ResponderExcluir
  15. É engraado, mas não tenho muita vontade de ler este livro. Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  16. Quero muuuito este livro, todos os blogs que visito só tem comentários positivos!! Parece realmente super legal!!
    beijoss

    ResponderExcluir
  17. Gostei de todas as resenhas e comentários que já vi sobre este livro. Ainda não o li... mas já está na minha lista.
    Adorei a capa! A Natalie em cima do muro como se estivesse indecisa, né? E em um dos lados do muro uma das alternativas dela...
    Gostei muito, Livy!
    Beijos.

    ResponderExcluir
  18. Por todas as resenhas que já li, acho que me identifico com a Natalie. Quero muito ler esse livro, estou quase comprando logo ao invés de esperar a promoção. Estou torcendo muito pra ganhar!!!!

    ResponderExcluir
  19. Quero ler esse livro, no começo eu fiquei meia, com um pé atrás, por achar o livro parecido com gossip girls, mas me enganei. Ainda não li, mas espero ler!
    Beijos, ótima resenha!

    ResponderExcluir
  20. Esse livro parece ser um fofo..quero muito ele desde quando foi lançado..a história parece ser leve e divertida!!!!!

    bjus

    ResponderExcluir
  21. Ahhhhhhhhh *-* Eu estou louca pra ler este livro, e depois de ler o seu comentário, fiquei mais ainda. Minha amiga comprou, quando ela terminar de ler, pedirei emprestado. Euuuuuuu quero *-*

    ResponderExcluir

Veja os antigos!

Banner Publicidada – rodapé

Todos os textos, fotos e resenhas publicados são produzidos por e de uso exclusivo de No Mundo dos Livros. Exceto quando alguma matéria se baseia/inspira em alguma fonte, a mesma será sempre citada. Por isso, por favor, não copie nenhuma postagem sem a devida autorização.

Desenvolvimento com por