Mais Forte do Que Nunca de Eliana Machado Coelho

16 setembro 2011
Postado por Livy


Abner sofreu com o preconceito. E a vida ensinou sua família a ser mais tolerante com a diversidade.           
              Abner, arquiteto bem resolvido, 35 anos, bonito e forte, decide assumir a sua homossexualidade e a relação com Davi, seu companheiro. Mas ele não esperava que fosse encontrar contrariedades dentro de sua própria casa, principalmente por parte de seu pai, senhor Salvador, que o agride verbal e fisicamente. Os problemas familiares não param por aí. As duas irmãs de Abner enfrentarão inúmeros desafios. Rúbia, a mais nova, engravida de um homem casado e é expulsa de casa. Simone, até então bem casada, descobre nos primeiros meses de gestação que seu bebê é portador de Síndrome de Patau: o marido Samuel, despreparado e fraco, afasta-se e arruma uma amante. Em meio a tantos acontecimentos, surge Janaína, mãe de Davi e Cristiano, que sempre orientou seus filhos na Doutrina Espírita. As duas famílias passam a ter amizade, e Janaína orienta Rúbia e Simone, enquanto Cristiano começa a fazer o senhor Salvador raciocinar e vencer seu preconceito contra a homossexualidade. Ele oferece ao pai de Abner explicações claras sobre o que seja orientação sexual, identidade sexual, gênero sexual, transgêneros, intersexuais, transexuais e travestis    para demonstrar, por meio do raciocínio lógico, que  homossexualidade e tantas outras condições sexuais também são obras de Deus. Neste Mais forte do que nunca, o espírito Schellida, por intermédio da psicografia de Eliana Machado Coelho, mais uma vez vem nos dar uma verdadeira aula de humanismo, espiritualidade e solidariedade, ensinando-nos que, acima de tudo, somos todos filhos do mesmo Pai.

Comentários via Facebook

10 Comentários:

  1. Nossa quanta coisa ruim que acontece nessa família hein? rs
    Gostei da capa!

    ResponderExcluir
  2. Gostei da capa.
    Mas nao gostei da historia. Parece historia de novela, e todo mundo ja sabe como e o final kkk
    bjim

    ResponderExcluir
  3. Gosto de livros com mote espírita. Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  4. Ando meio q fugindo desses livros psicografados...meus dois ultimos foram uma pessima experiencia...
    Vou deixar passar!

    ResponderExcluir
  5. Esse livro é muito importante para a humanidade. Mas principalmente à Doutrina Espírita, como uma ferramente amplamente educativa e acaba com o tabu de se falar sobre homossexualidade de uma forma ampla e educativa...Parabéns às mãos inspiradoras da médium e das palavras claras e objetivas sem falar de carinhosas do Espírito Shellida, a autora.

    Um abraço Luz e Paz

    ResponderExcluir
  6. Sou suspeita em falar, desde o primeiro livro da Eliana que li, não parei mais, Adoro!

    ResponderExcluir
  7. Li o livro e achei muito interessante, mas tenho algumas perguntas para fazer a autora e quero saber se existe alguma forma de eu entrar em contato com a ela.

    Obrigada!!!!

    ResponderExcluir
  8. Pretendo ler esse livro muito em breve.......Afinal essa autora é maravilhosa recomendo sempre a meus amigos seus livros.

    ResponderExcluir
  9. Pretendo ler esse livro muito em breve........A Eliana é uma maravilhosa autora recomendo seus livros para meus amigos.

    ResponderExcluir
  10. Pretendo ler esse livro muito em breve.......Afinal essa autora é maravilhosa recomendo sempre a meus amigos seus livros.

    ResponderExcluir

Veja os antigos!

Banner Publicidada – rodapé

Todos os textos, fotos e resenhas publicados são produzidos por e de uso exclusivo de No Mundo dos Livros. Exceto quando alguma matéria se baseia/inspira em alguma fonte, a mesma será sempre citada. Por isso, por favor, não copie nenhuma postagem sem a devida autorização.

Desenvolvimento com por