Resenha: Ecos da Morte de Kimberly Derting

24 dezembro 2011
Postado por Livy





Ecos da Morte
Kimberley Derting

ISBN:
9788580570809
Ano:
2011
Páginas:
272
Editora: Intrinseca
Pontuação: ♥ ♥ ♥ ♥ (4/5)
Sinopse: Violet Ambrose tem dois problemas – o dom mórbido e secreto que carrega desde a infância e Jay Heaton, seu melhor amigo, por quem está apaixonada. Aos dezesseis anos e confusa com os novos sentimentos em relação a Jay, ela começa a ficar cada vez mais incomodada com sua estranha habilidade – Violet encontra cadáveres. Desde pequena ela percebe os ecos que os mortos deixam neste mundo. Ruídos, cores, cheiros. Mas não todos, apenas os das vítimas de assassinato. Para ela, isso nunca foi um grande talento. Na maioria das vezes, tudo o que encontrava eram pássaros mortos, deixados para trás pelo gato da família. Mas, agora que um serial killer está aterrorizando a pequena cidade onde mora e os ecos das garotas assassinadas a perseguem dia e noite, Violet se dá conta de que talvez seja a única pessoa capaz de detê-lo. Em pouco tempo ela estará no rastro do assassino. E ele, no dela.

Ecos da Morte é um livro no minimo interessante. Só pela temática da estória, o livro já pode ser considerado uma boa pedida para quem gosta de suspense e livros YA! Violet Ambrose, aos 8 anos encontra o corpo de uam garota enterrado nas proximidades de sua casa, quando estava passeando pelo bosque com seu pai. Ela sempre teve a capacidade de "sentir" a morte, mas isto se limitava a achar animas mortos por seus predadores, e poder sentir o "eco" desta morte tanto em seus predadores quanto em seus caçadores. O interessante é o modo como isto acontece com ela. Não é apenas os "sentir", mas é toda uma gama de sensações, como cheiros, impressões, sons, músicas, etc.

Ela estava perto agora, tão perto, que podia ouvir uma voz. Era isto o que aquele eco era: uma voz. Sozinha e solitária, em busca de alguém  - qualquer pessoa - que respondesse a ela. Violet era essa pessoa.
 Não vou entrar em detalhes sobre a estória, porque a sinopse está bem resumida sobre o que é importante saber, para que você se interesse pelo livro. O que eu vou falar na resenha, é para que você se interesse MAIS ou não! : ) 

O livro é voltado para o suspense, pelo fato de haver o assassinato de garotas na cidade de Violet. O clima de tensão é garantido, pois o assassino está a solta e continua matando sem piedade, à procura de jovens, o que coloca a cidade em pânico. Neste quesito (suspense) o livro tem um nível mediano, eu diria, pois é leve. O que dá um toque especial, e apimenta este lado da estória, é o dom sobrenatural e fantástico de Violet. Por isto, mesmo com um suspense mais leve, o clima do livro fica muito bom e em alguns momentos opressor. Pois imagine a carga emocional e psicológica de poder sentir os ecos de assassinatos? O legal é que Violet não fica de braços cruzados e decide que irá ajudar a encontrar o assassino das garotas e pará-lo... o problema é que o perigo espreita, e se Violet não tomar cuidado, pode ser tarde demais.

Ainda falando dela, eu gostei da personagem, mas achei que ela poderia ser uma personagem mais forte. O fato é que ela é uma garota normal, tirando seu dom sobrenatural. E ela está apaixonado por Jay, seu melhor amigo. Isto realmente afeta um pouco a personagem, de uma forma que a distrai de certas coisas. E tem este lado do livro também, o romance. A narrativa tem boa parte disto, entremeando romance e suspense. Para quem gosta da mistura dos dois, Ecos da Morte é uma boa pedida. Aliás, Violet e Jay, garantem uma boa dose de tensão romântica, mas sem deixar o livro meloso, o que achei legal. E Jay é um personagem maravilhoso! Ele é forte, determinado, protetor, amigo, etc, etc, etc.. Ou seja o cara é tudo de bom, e dá um up na estória, com toda certeza!

Algumas pessoas com certeza vão achar que o lado sombrio e sobrenatural do livro é fraco e menor do que o do romance, mas ao contrário, achei que tudo foi colocado de maneira dosada e no ponto certo. Nada com exageros, e a narrativa de Kimberly Derting é muito gostosa e envolvente, algo que me agradou muito. A autora conseguiu construir uma história com um lado sobrenatural gostoso. Outro detalhe interessante é que os capitulos em que a autora nos apresenta o cotidiano de Violetm são entremeados com capítulos onde ela nos mostra o assassino (ou seja a visão dele dos fatos e do que ele sente quando esta caçando). E este foi um dos fatores que mais gostei no livro.

E para finalizar posso dizer que eu me surpreendi muito com o final, sério... Eu tive um ataque, a autora me deixou sem ar! (sem mais detalhes) Ah, vale falar da diagramação também e da revisão, que estão perfeitos!
Recomendo o livro, para quem curte um ótimo suspense, no melhor estilo YA! E estou mega hiper ansiosa para curtir a continuação: Desejos dos Mortos, que também será lançado pela Editora Intrínseca!
 NOTA EXTRA:
HISTÓRIA =  ♥ ♥ ♥ ♥  (4/5) 
NARRATIVA = ♥ ♥ ♥ ♥ (4/5)
PERSONAGENS =  ♥ ♥ ♥ ♥  (4/5)      
ORIGINALIDADE =  ♥ ♥ ♥ ♥ (4/5)
REVISÃO/ TRADUÇÃO =  ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ (5/5)      
CAPA/ DIAGRAMAÇÃO =  ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ (5/5)  

Comentários via Facebook

3 Comentários:

  1. Adorei a resenha... apesar do romance, achei que o livro tem um bom lado de suspense e me interessei. Comprarei =D

    ResponderExcluir
  2. ja esta na lista da proxima compra comcerteza...
    amei a resenha
    parabens ;D

    ResponderExcluir
  3. Adorei suas resenhas cheias de conteudo da pra ter uma boa noção se a gente quer ler ou não :) .
    Concordo com você a narrativa e muito fraca, o que é uma pena porque a história é muito boa.
    Mas deixa a desejar principalmente na descrição né?!
    Recomendo pra você No Escuro da Elisabeth Haynes em Triller pra roer todas as unhas rs.
    E pra se emocionar Jardim de Inverno da Kristin Hannah chorei litros!

    ResponderExcluir

Veja os antigos!

Banner Publicidada – rodapé

Todos os textos, fotos e resenhas publicados são produzidos por e de uso exclusivo de No Mundo dos Livros. Exceto quando alguma matéria se baseia/inspira em alguma fonte, a mesma será sempre citada. Por isso, por favor, não copie nenhuma postagem sem a devida autorização.

Desenvolvimento com por