Resenha: Silêncio de Becca Fitzpatrick - Editora Intrinseca

20 março 2012
Postado por Livy


Silêncio - Série Hush Hush
Becca Fitzpatrick


Tradução: Débora Isidoro
ISBN:
978-85-8057-131-8 
Preço:
29,90
Lançamento:
09/01/2012
Páginas:
304
Gênero:
Ficção
Editora: Intrinseca
Pontuação: ♥ ♥ ♥ ♥   (5/5)
Sinopse: No terceiro livro da série Hush, Hush, após o choque de acordar em um cemitério e descobrir que ficou desaparecida por semanas, Nora Grey não se lembra de nada que aconteceu nos últimos cinco meses, justamente a época em que o anjo caído Patch entrou em sua vida. Para piorar sua situação, a jovem passa a ter conturbadas visões e é constantemente assombrada pela cor preta. Ao tentar descobrir o que aconteceu consigo durante esse período, pessoas perigosas, com poderes sobrenaturais, cruzam seu caminho. Nora não sabe mais em quem pode confiar, mas um estranho desconhecido, que mexeu bastante com ela, parece ter a chave para solucionar o mistério que a cerca.

Para quem não sabe, Silêncio é o terceiro livro da série Hush Hush da autora Becca Fitzpatrick. Para quem não leu Sussurro ou Crescendo, talvez não entenda alguns comentários feitos durante esta resenha. Ou pode ser que estes comentários aumentem seu interesse pela série (ou não). Se você já leu os livros anteriores, e está ansioso (a) para saber o que acontece em Silêncio (assim como eu estava antes de iniciar sua leitura), não pode deixar de conferir a resenha! Mas antes de começar a lê-la, tenha em mente que a mesma pode conter spoilers. 

Começo minhas divagações sobre o livro fazendo uma afirmação: "Eu demorei muito para ler este livro". Mas calma! Isto não significa que eu o tenha odiado, muito pelo contrário. Eu demorei para lê-lo justamente por ter gostado. Hush Hush acabou se tornando uma das minhas séries favoritas, e seus livros têm se mostrado cada vez mais interessantes, prendendo minha atenção. Este terceiro livro foi o que mais me prendeu, do início ao fim. Eu adorei como a estória se desenvolveu, como a trama ficou empolgante e eletrizante, e como o final dá um gosto de quero mais para o último livro. E por esta razão fiquei triste com o término de minha leitura =/ O que tenho que ressaltar sobre a estória de Silêncio, é justamente este ritmo frenético de acontecimentos. Eu gostei muito da sensação opressora de alguns acontecimentos, como a tentativa desesperada de Nora para recuperar a memória. Ou da tensão e mistérios que envolvem o Mão Negra, nosso odiado vilão Hank Millar.
O legal disso tudo é que Becca Fitzpatrick conseguiu criar um clima muito bom para o livro, dando um ar mais sério e maduro para a narrativa, com ótimas cenas de conflito, luta, tensão e romance. Como comentei anteriormente, eu adorei o modo como Becca conduziu sua trama.

Falando dos personagens, eu tenho que dar mais uma vez parabéns à autora. Tudo bem que muita gente acha Nora Grey um pé no saco, e em muitos momentos, neste livro, eu tenho que concordar com quem acha isto. Em alguns momentos ela é um tanto birrenta. Mas é a caracteristica da personagem que tem apenas dezesseis anos de idade, e perdeu sua memória. Muitos de seus atos são perdoáveis, afinal, ela está confusa, se sentindo perdida e revoltada, angustiada para ter suas lembranças de volta. Imagine acordar em um cemitério sem saber como foi parar ali, e o que aconteceu. Nora percebe que perdeu cinco meses da sua vida, e que não há nenhum resquicio destes meses em sua mente. Ela não sabe onde esteve, com quem esteve, quem a raptou, ou o que aconteceu com ela. Tudo o que lhe resta são sonhos e visões negras onde ela tem a sensação de um nome, um rosto e um sentimento (Patch). Quanto mais ela se aprofunda em sua falta de lembranças, mais ela vai chegando perto da verdade. Mas será que a verdade é tão fácil?

O ponto forte é que vamos redescobrindo toda a estória e todos os acontecimentos dos livros anteriores juntamente com Nora. Isto é ótimo para quem esqueceu alguns detalhes da estória, e a autora soube dosar tudo na medida certa, para que a mesma não se tornasse chata. Muito pelo contrário, este foi o detalhe que deu um up na narrativa.
Outro detalhe (que não é um detalhe, convenhamos) é Patch (agora conhecido como Jev). Sinceramente, se eu deixasse de comentar isto, eu não faria uma boa resenha: Eu adoro o Patch! Sim, confesso com todas as letras, Hush Hush não seria nada sem ele. Neste terceito livro, Patch está ainda mais envolvente, e como não poderia deixar de ser, amarra os acontecimentos de forma magnifica. Ele é quem ajuda Nora a recuperar sua memória, e o modo como seu relacionamento é redescoberto é... digamos... muito fofo!

Falando dos personagens de forma geral, posso dizer que a evolução dos mesmos contribuiu para que o livro ficasse ótimo. O vilão, Hank Millar, merece destaque, e cumpre muito bem o seu papel. Ele é a perfeita personificação do "lobo em pele de cordeiro". Sua maldade é palpável, e torna a estória muito mais interessante.

Resumindo para vocês, Silêncio é um livro cheio de ação, tensão e muito mistério. Sem dúvida alguma, posso afirmar que este é o melhor dos três livros da série, e Becca Fitzpatrick merece todo o mérito por conseguir construir uma estória tão interessante, onde continuações hoje em dia são um fracasso. E isto me surpreendeu, quando achava que não havia mais novidades... lá vem a tia Becca com suas ideias mirabolantes. Dou  5 corações para o livro, pelo conjunto da obra, que envolve ótima narrativa, ótima diagramção, ótima revisão. O livro está impecável.  Estou ansiosa pela continução: O último livro da série. 
 NOTA EXTRA:
HISTÓRIA =  ♥ ♥ ♥ ♥ (5/5) 
NARRATIVA = ♥ ♥ ♥ ♥ (5/5)
PERSONAGENS =  ♥ ♥ ♥ ♥ (5/5)
ORIGINALIDADE =  ♥ ♥ ♥ ♥ (5/5)
REVISÃO/ TRADUÇÃO =  ♥ ♥ ♥ ♥ (5/5)     
CAPA/ DIAGRAMAÇÃO =  ♥ ♥ ♥ ♥ (5/5)

Comentários via Facebook

4 Comentários:

  1. Adorei a resenha Livy =)
    Eu estou louca para ler este livro, já li os dois anteriores e amei. Eu amo o Patch e preciso ler SILENCIO urgente!
    Sua resenha apenas me deu mais vontade.
    bjos

    ResponderExcluir
  2. Eu amo esse livro, o melhor da serie na minha opnião!
    Adorei a resenha *-*

    ResponderExcluir
  3. Livy, eu to lendo o livro no momento. Não gostei do fato dela ter perdido a memória, e ralmente ela está bem birrenta nesse livro, mas também entendo. Porém nos outros ela também era mimada. Mas enfim, como sempre a autora nos prende com icognitas, e é isso que me faz ler o livro... E não querer parar...

    ResponderExcluir

Veja os antigos!

Banner Publicidada – rodapé

Todos os textos, fotos e resenhas publicados são produzidos por e de uso exclusivo de No Mundo dos Livros. Exceto quando alguma matéria se baseia/inspira em alguma fonte, a mesma será sempre citada. Por isso, por favor, não copie nenhuma postagem sem a devida autorização.

Desenvolvimento com por