Resenha: Os Mistérios da Coroa, de Nancy Bilyeau - Editora Arqueiro

20 janeiro 2013
Postado por Livy




Os Mistérios da Coroa
Nancy Bilyeau
Tradução: Fernanda Abreu
ISBN: 9788580410822
Lançamento: 08/08/2012 
Preço:
R$ 29,90
Páginas 384
Editora: Arqueiro
Pontuação: ♥ ♥
Sinopse: No século XVI, a Inglaterra vive tempos turbulentos: em 1534, o rei Henrique VIII rompe com o Vaticano e funda a Igreja da Inglaterra, dando início a uma série de conflitos religiosos. Ao fugir do claustro e deixar para trás sua pacata vida religiosa, a noviça dominicana Joanna Stafford, uma mulher que jurou servir a Deus, se vê arrastada para uma sórdida rede de mentiras, intrigas políticas e traições cujo objetivo é usurpar o trono inglês. Entre a devoção e o pecado, ela vai precisar se submeter às ordens do astuto bispo de Winchester, um homem traiçoeiro que tem sede de poder. Para garantir que seu pai continue vivo, a noviça aceitará ser espiã no priorado em que fez votos, onde está escondida uma coroa tão poderosa que pode pôr fim à Reforma Protestante na Inglaterra. O bispo conhece todas as lendas a respeito da relíquia, inclusive a de que estaria amaldiçoada, mas mesmo assim ele deseja usá-la, pois acredita que seus poderes místicos lhe ajudarão a destruir seus inimigos e a governar o país. Armada com determinação e coragem, Joanna confronta os traumas do próprio passado enquanto tenta concluir sua missão. Mas, quando ocorre um terrível assassinato, ela descobre que o priorado em que vive não é mais um lugar seguro. Ela resolve, então, deixar novamente a clausura e procurar a coroa em outros lugares. Acompanhada do jovem frade Edmund, Joanna visita castelos suntuosos e locais sagrados, como Stonehenge e a Abadia de Malmesbury, em busca da relíquia e de salvação para si mesma, sua família e o modo de vida sagrado de sua ordem religiosa.

Inicialmente, quero congratular a Editora Arqueiro pelo excelente trabalho gráfico e editorial desse livro. Uma vez mais a editora nos surpreende com um ótimo lançamento da literatura estrangeira. Aliás, todos os livros lançados recentemente pela editora, os quais tive o prazer de ler, me proporcionaram uma grata satisfação. Assim, da mesma forma, Os Mistérios da Coroa não fez por menos.


A capa do livro é outro ponto que merece elogios, além, é claro, da execelente tradução de Fernanda Abreu. A Coroação da Virgem, do artista Paolo Veronese (1528-1588), pintor maneirista da Renascença, foi uma boa escolha. A pintura empresta ao livro um ar de misticismo e mistério, veneração e devoção. Já que o mote principal da obra é o mistério que gira em torno da suposta Coroa de Athelstane (ou Athelstan ou Æþelstān, o Glorioso, foi rei da Inglaterra, de 924 a 939).

O livro em si é um thriller histórico de primeiríssima qualidade, ambientado no século XVI da conturbada corte de Henrique VIII, os Tudors da Inglaterra. Nancy Bilyeau usa como pano de fundo os conflitos religiosos daquela época, entre os prostestantes ingleses, apoiados pelo rei que quer se desvincular completamente da autoridade de Roma, e os católicos que, através dos seus mosteiros, conventos e priorados, tentam firmar a doutrina da Igreja em solo britânico a qualquer custo. Desta forma, histórica e previsivelmente, complôs, conspirações, traições, assassinatos e perseguições marcaram a época e a narrativa do livro, onde impera a intolerência e a corrupção religiosa.

Neste meio, quase num fogo cruzado, está a noviça Joanna Stafford. Mais do que uma freira católica em meio a lobos e leões, Joanna é uma jovem de coração nobre e gentil que desafia a ordem e o caos para firmar sua fé e o seu amor incondicional à família. Desta forma, ela vê-se arrastada por um turbilhão de emoções, corrupção, ganância, vingança, ódio, violência, escandâlos palacianos e complôs, numa desesperada busca por uma relíquia de cunho temporal e secular, para a qual se outorga poderes quase divinos. A Coroa de Atheltane possui o poder de apaz de salvar ou destruir a cristandade dividida. Tudo dependerá de em que mãos a relíquia cairá.

O livro é dividido em três partes. A primeira parte se passa em Smithfield, fora dos limites de Londres, para onde Joanna se dirige na tentativa de conseguir falar com sua prima Margaret Bulmer, antes dela ser executada por traição; e, concomitante, na prisão, após o tumulto causado no ato da execução, onde a freira enfrenta os horrores do cárcere e defronta-se com o poderoso bispo de Winchester. Ali ela passa conhecer a intimidade de sua ambição. Na segunda, a autora conduz Joanna e outros dois frades, Richard e Edmund, de volta ao priorado de Dartford, onde a nossa protagonista se envolve com um misterioso assassinato enquanto tenta descobrir pistas que a conduza ao paradeiro da Coroa de Athelstane. Já na terceira parte, Joanna é levada para outras localidades, enfrentando novos desafios e inimigos perigosos e mortais, na tentativa de solucionar o crime perpetrado no priorado (que poderia estar ligado à Coroa desaparecida) e, ao mesmo tempo, seguir as pistas que, supostamente, a leverá até o esconderijo da relíquia. Nem preciso dizer que Joanna irá enfrentar muitos percalços antes de conseguir alcançar seus objetivos. E menos ainda, que o final é muito bom.

Nancy Bilyeau conseguiu criar um romance histórico com uma mescla de mistério e investigação policial, com uma narrativa eloquente e detalhista, cheia de sutilezas e encanto, com personagens históricos e fictícios que tornam a leitura do livro um ato agradável e cativante. O mistério por trás da coroa funde-se com o suspense por trás do crime perpetrado no priorado. Entre encontrar a coroa para salvar a vida de seu pai e desvendar o assassinato, Joanna enfrentará forças e poderes que estão além de tudo quanto ela imaginava dentro da sua concepção de fé religiosa.

Claro, não há nada de novo em Os Mistérios da Coroa. Todos os elementos que já foram usados por outros autores desse gênero literário (inclusive por Dan Brown), estão lá. O mérito da autora é que conseguiu criar personagens cativantes e desenvolver situações dramáticas e de suspense que nos prendem do começo ao fim do livro, transportando-nos para uma época histórica rica em personalidades que marcaram uma das épocas mais conturbadas da Inglaterra. Outro ponto merecedor de elogios é a boa adaptação de época. Fatos históricos e fictícios se mesclam com perfeição, como se fosse uma coisa só. A todo momento você se depara com essa questão: onde terminam os fatos e começa a ficção?

Em suma, Os Mistérios da Coroa é um excelente romance. Tem drama, mistério, suspense, ação, aventura, investigação criminal e uma ótima narrativa. Os personagens são convincentes, assim como a trama. O final faz jus ao contexto e todas as três partes do livro estão equilibradas de forma a compor um todo harmonioso e satisfatório.

Confesso que o livro me surpreendeu. Achei que o mesmo fosse mais um clone de O Código Da Vinci, de Dan Brown. Durante a leitura descobri que Nancy Bilyeau tem muito mais a oferecer. Por isso, eu recomendo o livro. Amantes da boa leitura, ou apaixonados por romances históricos com tema de mistério e investigação, vão adorar esse livro.

Comentários via Facebook

9 Comentários:

  1. É a segunda resenha que leio desse livro e bem positiva também.

    Fiquei curiosa, se tiver oportunidade o lerei, ;)

    ResponderExcluir
  2. a capa do livro dá um ar de livro antigo (pelo menos eu tenho esta impress), e eu acho lindo
    parece ser um livro incrivel, mas não tenho vontade de lê-lo pois ele não faz muito o meu estilo.
    essas coisas de romances históricos me deixam exausta :( UAHUAHASUHAUHS
    realmente, ele me lembra muito O Código Da Vinci... acho que pela capa, sei lá :P

    ResponderExcluir
  3. Parece bem interessante, adoro mistérios. E um toque de fatos históricos é bom, pois relembramos ou aprendemos algo.Estou super ansiosa para ler o livro

    ResponderExcluir
  4. Intrigante... deve ser muuuuuito bom (:

    ResponderExcluir
  5. Ok, necessito deste livro. Essa capa já me conquistou totalmente, e eu necessito possuir este livro tão lindo que tantas pessoas falam tão bem!
    Minha mae ia comprar uma vez mais depois ela escolheu um outro livro...

    Bjim

    ResponderExcluir
  6. Adorei a resenha, o livro realmente me parece ser otimo!! Adorei ele.

    ResponderExcluir
  7. mesmo sem ser o tipo de leitura que chama minhaatenção achei interessante a resenha, e a capa tbm ficou bonita

    ResponderExcluir
  8. Não é o tipo de livro que me agrada. Não pretendo ler, mas quem sabe né? Pelo o que parece, acho que fui a única que não gostou da capa '-'

    ResponderExcluir
  9. Li esse livro , e realmente é muito bom. Recomendo.

    ResponderExcluir

Veja os antigos!

Banner Publicidada – rodapé

Todos os textos, fotos e resenhas publicados são produzidos por e de uso exclusivo de No Mundo dos Livros. Exceto quando alguma matéria se baseia/inspira em alguma fonte, a mesma será sempre citada. Por isso, por favor, não copie nenhuma postagem sem a devida autorização.

Desenvolvimento com por