Resenha: Malas, Memórias e Marshmallows, de Fernanda França - Editora Rai

10 março 2013
Postado por Livy

Malas, Memórias e Marshmallows
Fernanda França
ISBN: 978-85-8146-014-7
320 páginas
Preço: R$ 34,90
Editora: Rai
Pontuação: ♥ ♥
Às vezes, o fim de algo pode ser apenas um novo começo. Após ser despedida do trabalho no dia de seu aniversário, Melissa Moya conhece Theodoro Brasil, seu vizinho, dando início a uma nova amizade que vai permitir que a jovem jornalista realize seu maior sonho: viajar mundo afora. Ela embarca no projeto “América sobre rodas”, uma aventura por diversas regiões dos Estados Unidos, deixando para trás sua gata, Lady Gaga, sua família e seus amigos. Máquina fotográfica na mão, notebook debaixo do braço, Melissa vai acabar percebendo que a vida surpreende a cada momento, principalmente quando o assunto é o amor verdadeiro.

Malas, Memórias e Marshmallows me surpreendeu em muitos pontos. Não só pela ótima narrativa, mas também pela boa história.

Então, antes de mais nada, eu tenho que afirmar que, se você ainda tem preconceito com relação aos livros nacionais, está um tanto ultrapassado. Eu tenho tido o prazer de ver ótimas obras sendo lançadas por autores nacionais, assim como ótimas ideias e enredos, que nada devem para os livros estrangeiros. E convenhamos, tanto um livro nacional quanto um estrangeiro podem ser péssimos, não é a nacionalidade do autor que vai determinar se o livro é bom ou não, mas sim sua perícia e criatividade em escrever e em narrar sua história. Ok!?

Com este livro de Fernanda França não poderia ser diferente. Um livro com uma boa história, ótima pedida para quem gosta de um chick-lit. Eu adorei a narrativa gostosa da autora, assim como o enredo que se desenrola de forma "macia" e de fácil leitura, o que proporciona ótimas cenas. Fernanda França soube mesclar muito bem o humor e o crescimento da personagem. Em diversos momentos rimos das atrapalhadas de Melissa Moya, uma moça tem péssima memória e fala o que lhe vem à cabeça. Mas ela também é determinada e corajosa, e em muitos momentos me vi emocionada junto à personagem, por suas lutas, pelos seus sonhos conquistados, e pelos seus desenganos e ilusões. Mas também pela sua felicidade e amor descobertos aos poucos, tanto por um companheiro quanto por si mesma. Adoro estes livros em que o personagem amadure, conquista seu espaço e acaba se descobrindo. No começo, tudo parece dar errado para ela, até que percebe que muitas vezes, o fim de algo pode resultar no começa de algo muito melhor.

A autora construiu um livro onde viajamos junto com Melissa. Achei fantástico descobrir novos lugares, novos sabores, novas sensações. Este é o ponto forte do livro. Conhecemos diversos pontos turísticos dos lugares para os quais Melissa viaja. Isto torna tudo muito mais verossímil, pois sua viagem não é superficial, a autora se aprofundou nos lugares visitados, citando diversos detalhes e características.

Pois sim, as emoções e vivências da moça são tão reais que nos fazem viver aquelas experiências também. Me vi amiga intima de cada personagem e de cada sentimento. Todos, com sua personalidade, sonhos, problemas e contribuição para a felicidade de Melissa. Principalmente adorei Samantha, melhor amiga da moça; Michel, irmão de Melissa; seus pais; Ozzy, seu gato adotado na viagem para os Estados Unidos; Emily a sindica do prédio em Mason, Estados Unidos onde Melissa está hospedada, que vira sua grande amiga; Theodoro Brasil, o lindo vizinho que se torna seu melhor amigo e... quem sabe um algo mais!? Aqui não posso contar mais sobre ele. Só dizer que eu o adorei, ele se mostra um personagem fantástico que desde o início é o grande incentivador e motivador para que os sonhos de Melissa se tornem realidade.
Foi a primeira vez que comi  marshmallow. A primeira vez que nos abraçamos. O dia em que decidi que viajaria para o exterior pela primeira vez, que faria um novo trabalho e que começaria a realizar um sonho. Aquela foia a data em que eu conheci o homem que seria o meu melhor amigo. Melissa se referindo ao Theodoro, seu vizinho de apartamento. 
*Suspira*

Sim, este é um livro com uma pitada de açúcar, uma pitadinha de pimenta, uma porção de brigadeiro e muito marshmallow. Garante ótimas risadas, momentos de emoção, romance e garante muitos suspiros.  Eu adorei o livro, que me surpreendeu e me envolveu do inicio ao fim. Dou meus parabéns para a talentosíssima Fernanda França, pela ótima história e por nos mostrar que os sonhos nunca são impossíveis... só os são quando deixamos de acreditar. Que o amor supera tudo, vai além de nossos sonhos mais loucos, e nos faz realizá-los, mesmo quando nem sabemos que eles existem.
Os sonhos ficaram pequenos perto da grandiosidade do mundo que eu descobri que existia. Senti que tinha medo de morrer sem ter feito nada de realmente importante para alguém. Sem ter feito a vida ter um sentido mais amplo que o meu umbigo e mais especial que os meus próprios sonhos.
Ter vivido o meu sonho me fez enxergar que, seu eu era capaz de segui-lo e enfrentar tudo para conquistar o mundo, eu poderia enfrentar algumas barreiras para melhorar o mundo de alguém.
Também devo ressaltar a excelente edição do livro, tanto de revisão quanto diagramação. A capa está linda e tem tudo haver com a história. Além de que cada início de capítulo tem desenhos. Edição linda! Recomendado!

Comentários via Facebook

5 Comentários:

  1. eu me mantinha longe dos livros nacionais antes por trauma da escola... odiava literatura brasileira de leitura obrigatória e achava que todos os outros seriam assim. quando ganhei 2 livros de autores brasileiros na mesma semana (72 horas para morrer e O sonho de Eva) percebi o qaunto enganada eu estava!!!
    acho que esta foi a primeira resenha digna que li deste livro. as outras foram tão superficiais que não me deixaram tão louca para lê-lo como estou agora *--*
    normalmente quando lemos um livro que se passa em tantos lugares diferentes assim não acabam sendo tão detalhados, mas este parece ser diferente!

    ResponderExcluir
  2. Ah eu quero, logo pela historia que é muito bacana! Adorei a autora.

    ResponderExcluir
  3. Livy,
    Obrigada pela linda resenha e pelo carinho com meu trabalho! Espero que goste de 9 Minutos com Blanda também! Ah, e vai ter MMM2 ;-)
    Alegrias!
    Fernanda.

    ResponderExcluir
  4. Acho que é a primeira resenha que leio desse livro.
    Fiquei curiosa, parece divertido, ;)

    ResponderExcluir
  5. O nome da gata era Lady Gaga?
    rsrsrsrs
    Que criativo!
    Parabéns para a Fernanda França e para você também pela excelente resenha.
    Beijos!

    ResponderExcluir

Veja os antigos!

Banner Publicidada – rodapé

Todos os textos, fotos e resenhas publicados são produzidos por e de uso exclusivo de No Mundo dos Livros. Exceto quando alguma matéria se baseia/inspira em alguma fonte, a mesma será sempre citada. Por isso, por favor, não copie nenhuma postagem sem a devida autorização.

Desenvolvimento com por