[Resenha] Almanova, de Jodi Meadows

16 março 2014
Postado por Livy

Almanova
Jodi Meadows
ISBN: 9788565859172
Tradutor: Ana Resende
Ano: 2013
Páginas: 288
Editora: Valentina
Pontuação: ♥ ♥ ♥   
ALMANOVA Ana é nova. Por milhares de anos, no Range, milhões de almas vêm reencarnando, num ciclo infinito, para preservar memórias e experiências de vidas passadas. Entretanto, quando Ana nasceu, outra alma simplesmente desapareceu... e ninguém sabe por quê. SEM-ALMA A própria mãe de Ana pensa que a filha é uma sem-alma, um aviso de que o pior está a caminho, por isso decidiu afastá-la da sociedade. Para fugir deste terrível isolamento e descobrir se ela mesma reencarnará, Ana viaja para a cidade de Heart, mas os cidadãos de lá temem sua presença. Então, quando dragões e sílfides resolvem atacar a cidade, a culpa deverá recair sobre... HEART Sam acredita que a alma nova de Ana é boa e valiosa. Ele, então, decide defendê-la, e um sentimento parece que vai explodir. Mas será que poderá amar alguém que viverá apenas uma vez? E será também que os inimigos – humanos ou nem tanto -- de Ana os deixarão viver essa paixão em paz? Ana precisa desvendar grandes segredos: O que provocou tal erro? Por que ela recebeu a alma de outra pessoa? Poderá essa busca abalar a paz em Heart e acabar por destruir a certeza da reencarnação para todos? 

Almanova é o primeiro livro da trilogia Incarnate, da autora Jodi Meadows. E por um bom tempo após o término da leitura eu fiquei pensando como compartilhar meus pensamentos sobre o livro com vocês. Em primeiro lugar Almanova é um livro diferente. A autora ousou e criou uma história diferente das quais estamos habituados a ler. E isso foi sensacional.
O que é uma alma senão uma consciência que nasce e renasce?
Jodi Meadows explorou um tema e estilo totalmente inusitados e que eu não havia visto em nenhum livro até agora. Ela aborda principalmente o tema da reencarnação, mas o mescla com fantasia e tecnologia. O resultado? Um livro realmente criativo e inovador. O modo como ela aborda o assunto também é bem diferente do que poderíamos imaginar. As pessoas reencarnam e tem consciência de tudo o que viveram em suas vidas passadas. Todos que morrem reencarnam e se conhecem a milhares de anos. Mas em uma noite surge uma almanova, uma pessoa que nunca havia nascido antes e vive sua primeira vida: Ana.

Ana vive uma vida reclusa e de sofrimento imposto pela amargurada e tirana Li, que faz da vida da jovem um inferno em terra. Além disso, todo temem e odeiam a jovem, e Ana resolve que não pode mais viver assim e parte em busca de respostas na cidade de Heart. Mas até chegar lá a jovem vai ter que sobreviver a desafios, e acaba conhecendo Sam, um jovem bonito e gentil que a ajuda neste momento de dificuldade e promete ajudá-la em sua jornada e busca por respostas. Por que ela nasceu? Por que todos a temem e odeiam? Mas os problemas apenas começam quando ambos alcançam Heart, e as coisas vão muito além do que qualquer um dos dois podem imaginar.
- Por que você pensa tanto sobre o passado?
Dei de ombros.
- Porque eu não estava nele.
De inicio não conseguia ver em Ana uma protagonista com a qual simpatizar. Na verdade eu estava querendo dar uns bons tabefes nela. Apesar de ela ter sofrido por toda sua jovem vida, eu não conseguia entender como ela podia complicar tanto as coisas e tornar tudo mais difícil. Mas depois, confesso, acabei me apegando e me afeiçoando à Ana, e ela me surpreendeu.

Conforme a história avançava pude entender seus anseios e angústias, e entender seus sentimentos. Também me apaixonei pelo modo como ela enxerga as coisas, e como pequenos detalhes têm tanta importância para ela, que não viveu milhares de vidas como todos os outros. E isto a torna uma personagem especial. O fato de ela estar aprendendo do zero, a estar saboreando as sensações e as dificuldades da vida a tornam bem interessante. Além de que ela se mostra muito sábia e até mesmo corajosa, tanto para enfrentar a todos que tanto a temem, quanto para enfrentar a adversidade e verdadeiro perigo. Também gostei muito de Sam, de sua personalidade doce, gentil e calma. Achei fascinante seu talento. E simplesmente amei o romance entre os dois.
Cem ou mil anos depois da minha morte, alguém poderia tocar a minha valsa, até mesmo Li, que sempre se ressentira com a minha presença, e eles lembrariam de mim.
Graças a Sam, eu era Imortal.
Alguns outros personagens também são fascinantes, e tantos outros odiosos. Alguns elementos da trama também foram muito bacanas, como o segredo envolvendo os muros pulsantes e o templo misterioso no centro de Heart. O segredo da reencarnação, como tudo começou e o por que de Ana existir. Os seres míticos que atacam os seres humanos e são tão perigosos, como dragões e sílfides. Mas acima de tudo achei bem interessante toda a história da reencarnação, o fato de todos terem vivido milhares de vidas e terem visto tanta coisa.

Mas apesar de toda criatividade da autora, ainda assim fiquei com uma pulguinha atrás da orelha e um pouco incomodada. Ainda estou tentando descobrir o motivo, mas a impressão que tenho é de que faltou algo na história para que ela fosse excelente, como achei que seria. E é justamente este elemento que faltou no livro que fez com que ele não atingisse todo o potencial que poderia ter. Apesar da aventura, da história inovadora e da trama que vai além do que pensamos, achei que poderia ter sido um pouco melhor.

Na verdade achei que a autora usou de criatividade demais e acabou misturando muitos estilos em um livro só, o que me incomodou um pouco. Almanova é um livro atemporal, onde não sabemos se estamos no futuro, no passado ou em uma dimensão totalmente diferente. A autora também mistura tecnologia com coisas e costumes rústicos e antigos, juntamente com fantasia.

Em alguns momentos a narrativa da autora é um tanto lenta e fica confusa, e ela parece se perder em sua própria história, não sabendo que caminho vai seguir. As coisas demoram um pouco para acontecer e para vir à tona. A impressão que tive é de que a autora quis juntar tudo que podia em um só livro, mas acabou não conseguindo seguir por um caminho firme para defender seu ponto de vista. Achei algumas partes um tanto forçadas, e achei que ela acabou se perdendo um pouco em tanta criatividade e ideias. Também me decepcionei um pouco com o motivo pelo qual Ana nasceu, e esperava algo totalmente diferente.

Mas apesar disto, depois que peguei o ritmo da autora, me desapeguei de qualquer crítica e mergulhei na história. Depois que abri minha mente a trama de Jodi fez todo sentido para mim, e me vi envolvida no drama de Ana. Acabei gostando bastante do livro, apesar dos contras. Principalmente gostei de Ana, e ela fez todo o livro valer a pena.
Ergui os olhos e fitei o rosto exausto, seus olhos. Como eu poderia ser importante? Eu era um acréscimo tardio, cinco mil anos depois. Um erro, porque Ciana se fora. Era a nota dissonante no fim de uma sinfonia excepcional. A pincelada que arruinara a pintura.
Acho que Almanova foi um bom livro, de forma geral, e principalmente vale a pena pelos personagens principais e pela história que promete trazer muitas surpresas para a continuação, Almanegra. E como ficaram muitas dúvidas e perguntas no ar, quero saber o que vai acontecer e entender melhor o que está acontecendo.

E por último tenho que dizer que a capa do livro é linda, e desde que a vi me apaixonei. O trabalho gráfico da Editora Valentina também está excepcional e muito bonito, formando um belo conjunto da obra.

Então, fica a dica principalmente por Almanova fugir de tudo aquilo que já está tão batido. Como livro de fantasia é uma boa opção, e vale a pena pela história inusitada e inovadora. Jodi Meadows conquistou minha atenção, a trilogia Incarnate tem muito potencial e promete.


Comentários via Facebook

18 Comentários:

  1. Oi Livy!
    Havia lido uma resenha em que o livro foi classificado como péssimo. Sim, e o principal motivo foi o "exagero de informações e personagens" em apenas uma história, o que deixou as coisas um pouco pesadas demais.
    Confesso que não me interessei muito pela história, mas digo também que a capa é maravilhosa!!!
    Abraços!

    ResponderExcluir
  2. Com a sua resenha,só me interessei ainda mais com a leitura deste. Mal posso esperar para que eu tenha um exemplar em mãos e comece a devorá-lo. Sem contar que a capa é linda!!!!

    ResponderExcluir
  3. Olá, eu já havia lido uma resenha deste livro antes e ele me pareceu ser bem cansativo. Mas como não costumo desistir de um livro sem ao menos ter tentado, e por ter me interessado pela história descrita na sinopse, busquei outras resenhas. E a sua foi a que mais me motivou a lê-lo e tirar minhas próprias conclusões. Obrigada e parabéns pela resenha =)

    ResponderExcluir
  4. Nossa. Adoreia estória da personagem e amar mais ainda em ler este livro. Não vejo a hora de poder desvendar e curtir esta linda estória. Beijos.

    ResponderExcluir
  5. Tenho muita vontade de ler este livro também, parece ser mesmo ótimo! Sempre vejo muitas resenhas onde é comentado que a personagem irrita um pouco no começo, mas fiquei feliz em saber que logo ela consegue conquistar o leitor. Nunca li nada sobre encarnações e acho o assunto deste livro bem interessante. Apesar de você ter dito que em alguns momentos a narrativa é cansativa, tenho muita vontade e curiosidade de ler este livro! :)

    ResponderExcluir
  6. Estou com muita vontade de ler este livro!

    ResponderExcluir
  7. Estou com muita vontade de ler este livro!

    ResponderExcluir
  8. Já li algumas resenhas sobre o livro. Alguns classificaram como não gostei, outros como médio e outros ainda que gostei muito. Acho que isso varia muito e tudo depende do seu modo de encarar a coisa. Pretendo ler o livro e tira as minhas próprias conclusões. Gostei da resenha.

    ResponderExcluir
  9. Eu estou realmente curiosa quanto a esse livro. Sempre achei abobrinhas essas historias de reencarnação e etc, porém estando na ficção me parece ser muito legal de ler! Mais um pra lista de séries que necessito ler :D

    ResponderExcluir
  10. Acredito que todos concordamos que esta capa de fato é encantadora. A autora eu não conhecia, e Almanova após ler a resenha fiquei um tanto curiosa para conhece-lo. Vi que para você o livro não é ótimo e em outras resenhas percebi que não foi muito do agrado de todos também, porém, mesmo assim irei ler, pois acho que será uma ótima leitura pelo fato de ser, como você mesmo mencionou, diferente do que estamos "acostumados" a ler. Pretendo ler a trilogia completa. haha

    Beijos, Vevê Waclawovsky
    vevexd4@gmail.com

    ResponderExcluir
  11. Me deixou com pé atrás, me pareceu cansativo e chato, gosto de leituras rápidas, já li algumas coisas sobre ele e muitos não gostaram mas acho que vou até me animar a ler pela sua resenha.

    ResponderExcluir
  12. Me interessei muito por esse livro por causa do tema que aborda e você disse que ele é diferente, livros diferentes sempre são bons, porque não fica aquela coisa repetitiva de outros livros, mas ele também me encantou com essa capa, meu Deus, que capa perfeita, sou extremamente apaixonada por ela. Eu já estava com vontade de ler esse livro, agora fiquei mais ainda, vou parar de ler suas resenhas, desse jeito minha lista de livros só irá crescer D; kkkkkkkk Não pode isso, irei entrar em desespero, até porque estou sem dimdim pra fazer compras de livros :'( Enfim, parabéns pela resenha, ficou muito boa.

    ResponderExcluir
  13. O livro parece extremamente inovador. Nunca li nenhum livro parecido com esse e nem lembro de ter visto algo semelhante. A capa é magnifica também e, juntando tudo isso com sua resenha, me deu uma vontade enorme de ler a obra.
    Espero não me decepcionar com a leitura.

    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de Abril

    ResponderExcluir
  14. Este livro me conquistou pela capa e depois que eu li a resenha eu gostei ainda mais ♥♥♥

    ResponderExcluir
  15. AlmaNova desde que vi a sua LINDA capa me chamou a atenção e vi boas críticas a respeito do livro, acho que a sua resenha é a primeira que vejo falando tão abertamente dos pontos negativos do livro.. A questão de um ser um mundo totalmente diferente me incomoda também..sei lá o pq ...Acho que é pq eu sempre procuro uma forma de imaginar os livros na minha mente e quando surge elementos até então desconhecidos fico perdidinha rs.
    Mas mesmo assim é um livro que se vale ter na estante só pela capa =)

    ResponderExcluir
  16. Com a sua resenha só me interessei mais pelo livro, to simplesmente apaixonada pelo livro!!! Tenho que ler ele!!
    Adorei a resenha! bjoos *-*

    ResponderExcluir
  17. oii se puder de uma espiada no meu blog, fiz um convite especial pra vc, já que estou sempre por aqui lendo o que vc posta rsss
    bjao
    http://gracirocha.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Veja os antigos!

Banner Publicidada – rodapé

Todos os textos, fotos e resenhas publicados são produzidos por e de uso exclusivo de No Mundo dos Livros. Exceto quando alguma matéria se baseia/inspira em alguma fonte, a mesma será sempre citada. Por isso, por favor, não copie nenhuma postagem sem a devida autorização.

Desenvolvimento com por