[Resenha] Um Dia de Cada Vez, de Courtney C. Stevens

03 novembro 2014
Postado por Livy

Livro cedido pela editora
ISBN: 9788581052366
Tradução: Cláudia Mello Belhassof
Categoria: YA/ Drama
Ano: 2014
Páginas: 232
Editora: Suma de Letras
Classificação:  ♥♥♥♥
() Favoritado!
Alexi Littrell era uma adolescente normal até que, em uma noite de verão, sua vida é devastada. Envergonhada, a menina começa a se arranhar e a contar compulsivamente uma tentativa de fazer a dor física se sobrepor ao sofrimento que passou a esconder de todos. Ela só consegue sobreviver ao terceiro ano do ensino médio graças às letras de música que um desconhecido escreve em sua carteira. As canções parecem adivinhar o que o coração de Alexi está sentindo. Bodee Lennox nunca foi um adolescente normal, mas agora é o menino que teve a mãe assassinada pelo pai. Em seguida, ele vai morar com os Littrell, e Alexi acaba descobrindo que o Garoto Ki-Suco, o quieto e desajeitado menino de cabelos coloridos, pode ser um ótimo amigo. Em Um dia de cada vez, Alexi e Bodee, ao mesmo tempo em que fingem para o resto do mundo que está tudo bem, passam a apoiar um ao outro, tentando viver um dia de cada vez.

Eu adoro quando um livro surpreende, emociona, e me faz refletir. Um Dia de Cada Vez, de Courtney C. Stevens garante isso e muito mais. Eu comecei a ler este livro já esperando um drama, um livro com jovens enfrentando seus problemas e lutando para superá-los, mas Courtney conseguiu me surpreender com sua narrativa, a delicadeza com que escreveu sobre o assunto, e o modo como construiu sua trama e seus personagens.

Alexi Littrell16 anos, era uma garota popular, cheia de amigos, de bem com a vida e cheia de uma futuro brilhante pela frente. Até que em uma noite de verão seu mundo desmorona, e sua vida muda completamente. Depois disso, Alexi se afasta de algumas pessoas, muda de humor se retraindo e se punindo por não ter conseguido impedir que algo tão terrível tivesse acontecido com ela. Ela começa a arranhar seu pescoço para sentir a dor física e encobrir a dor que sente por dentro. Conta compulsivamente as saídas da ventilação em cima de sua cama, tentando não piscar. Mas nunca consegue. Não consegue apagar a dor.

Nada mais faz sentido, ela se sente sozinha e angustiada. Vive exatamente um dia de cada vez, tentando superar cada dia, cada sentimento de dor. Mas acontece que ela está em pedaços. Ninguém sabe o que aconteceu, nem mesmo seus pais, sua irmã ou seus amigos, e ela prefere se punir a contar. Ela não quer ser aquela garota. A garota que todos têm pena, que acusam, que apontam o dedo. Seus pais podem não entender; e sua irmã, Kayla, não é o exemplo de amor puro e genuíno, se preocupando mais com seus relacionamento de anos com Craig. Suas amigas, Liz e Heather ainda são suas melhores amigas, mas não sabem de nada. Heather ainda tenta fazer com que Alexi se inclua socialmente, tendo encontros com garotos, mas não é isso que ela quer. E Liz, apesar de ser madura e responsável, não pode ajudá-la.

Na verdade, a única coisa que a faz sobreviver cada dia são letras de músicas em sua carteira na sala de aula, compartilhadas com um misterioso que ela apelidou de Capitão Letra de Música. Ele parece entender seus sentimentos com cada letra de música que compartilha com ela, e ela ecoa este sentimento respondendo as letras de música. Ela está se apaixonando por um completo estranho, um garoto misterioso e sem rosto, mas com um coração cheio de melodia.

Até que ela conhece de verdade Bodee, o garoto Ki-Suco. Um garoto extremamente retraído que pinta os cabelos cada dia com uma cor de suco diferente. Ele sempre esteve lá, mas ela nunca o viu realmente. Até que uma tragédia também se abate sobre a vida de Bodee e ele perde a mãe. Alexi se aproxima dele sem querer, no funeral, e nos dias seguintes, na escola, eles parecem ter uma pequena ligação os unindo, algo que começa apenas com eis e e aí, nada além disso. Mas é inegável, e está ali. Então os pais de Alexi resolvem que Bodee pode passar um tempo com eles, já que não tem mais ninguém e seu irmão, Ben, precisa acertar suas coisas. Será que Alexi e Bodee poderão conviver juntos, com tanta dor que ambos carregam? Será que eles encontraram sua voz para superar tudo o que os despedaçaram?

Ai, como eu queria abrir meu coração e falar muito mais do livro e o que você vai encontrar nele. Queria poder colocar de forma clara tudo o que senti lendo Um Dia de Cada Vez, mas é completamente impossível! O que dizer deste livro? Emocionante do começo ao fim. E o fim? Surpreendente!

Eu estou completamente apaixonada por este livro. Desde que comecei a ler, logo nas primeiras páginas, eu já senti tanta empatia, e tanta intensidade na leitura, que simplesmente não consegui parar de ler. Adorei a narrativa sensível da Courtney, que nos mostra todas as nuances da dor de ambos os protagonistas. E eu amei a evolução e construção dos personagens, principalmente, claro, de Bodee e Alexi. O modo como o relacionamento dos dois cresce, aos poucos, de algo tímido e sútil, para algo cada vez mais forte, protetor, e belo... eu me emocionei muito com esta amizade, este amor que surgia. Principalmente em como Bodee acaba ajudando Alexi a se encontrar, a superar suas aflições (ou a tentar pelo menos), a recuperar sua própria voz. Dois personagens estilhaçados, despedaçados, que juntos, se reconstruindo, formam um belo mosaico de sentimentos e superação, dia após dia.

Mas principalmente, além de me emocionar, a autora conseguiu me surpreender. O tempo todo durante a leitura, eu imaginava que as coisas tinham acontecido de uma forma, e que tudo levava para determinado caminho, mas me enganei. Courtney conseguiu me enganar direitinho, e com isso, me chocar. Me chocar, pois eu não esperava pelo que descobri, e fiquei imensamente mais triste e horrorizada. E então tudo fez sentido.

O que mais deixa triste é que o que aconteceu com Alexi e Bodee realmente acontece, todos os dias, e poderá acontecer hoje e/ou amanhã. E que todas estas vítimas, independente que espécie de tragédia e maus tratos seja, não podem estar sozinhas e nem devem sofrer caladas.

Um Dia de Cada Vez é, sem dúvida alguma, um dos melhores livros que li este ano, e no gênero é um dos melhores. Já está entre meus favoritos. Mas confesso que, por mais que eu fale e fale aqui, não vou conseguir expressar o que senti lendo o livro. O quanto amei os personagens, Alexi e Bodee; o quanto me emocionei com o desfecho; o quanto me condoí por todos os acontecimentos; o quanto amei cada palavra escrita pela autora. Além da narrativa deliciosa, dos personagens por quem me apaixonei, e pela história emocionante... não sei mais o que dizer, só sei que li, adorei e recomendo!



Comentários via Facebook

11 Comentários:

  1. Oi, Livy, tudo bem?
    Se eu visse o livro em uma livraria, olhasse sua capa e lesse a sinopse, não iria me interessar. Nada nele me chamaria a atenção. Mas, gosto de histórias assim, onde duas pessoas "crescem" juntas. Até me lembrou um pouquinho "Um Caso Perdido", um dos melhores do ano pra mim!
    Super beijos <3
    http://livros-cores.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. uauuu, fiquei super curiosa e entusiasmada para ler este livro, e como todos os indicados por você são maravilhosos, ele entrou para minha 'listinha' de próximos <3

    ResponderExcluir
  3. OI Livy querida!
    Acho esta capa lindíssima, não sei por que mas esta modelo me lembra a Jennifer Lawrency hehehe

    Quero COM CERTEZA conferir esta historia pois como disse a Ro aqui em cima me lembra Um Caso Perdido que é uma historia de arrepiar! Dica anotado e sairei que nem louca atras dele agora! haha

    Beijos Joi Cardoso
    Estante Diagonal

    ResponderExcluir
  4. Olha eu sinceramente tenho que confessar que não conhecia essa obra e sinceramente gostei bastante da sua resenha, mas tipo, é um romance? Que gênero que é? Eu fiquei interessada para adquirir um exemplar do livro, porque pela maneira que vc fala, me pareceu que o livro é simplesmente marcante em todos os sentidos e é esse tipo de leitura que eu gosto. Mas queria saber mais sobre ele. Me fala assim que puder, porque vou tentar ir atrás pra poder ler também.

    Se cuida linda e fica com Deus
    lovereadmybooks.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Olá Livy.
    Esse livro é realmente lindo.
    Eu me surpreendi do início ao fim.
    Ele me cativou muito e entrou para a lista dos meus queridinhos.
    Me deu saudade dele quando acabei de ler <3
    Beijos

    http://leituradelua.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Nossa fiquei morrendo de vontade de ler o livro, parece mesmo ser muito bom, com certeza entrou pra lista de livros que pretendo ler.

    ResponderExcluir
  7. Adorei essa indicação!!! Realmente parece um livro que te prende do início ao fim... fico muito feliz quando um livro consegue realmente me surpreender.. não só pelo final mais pela qualidade da história e da escrita, e me parece que esse foi positivamente surpreendente para vc...
    Fiquei com vontade de ler...Obrigada!!

    ResponderExcluir
  8. Olá, Livy! Adoro quando você favorita um livro pois sei que vem coisa muita boa a seguir... Taí, mais um livro que entra na lista de pretensões. Ótima resenha! Super curiosa...

    ResponderExcluir
  9. Oi Livy =)
    Nossa que livro perfeito! Estou louca pra ler!
    Você acredita que eu me emocionei com a sua resenha?
    Pois é, agora preciso desesperadamente desse livro <3
    Esse é o tipo de leitura que me atrai.
    Gosto de ser marcada, me sentir emocionada e sobre tudo aprender com a história e refletir sobre ela.
    Sua resenha foi ótima!

    Beijos linda!

    http://umacertajovem.com/

    ResponderExcluir
  10. Oin :3 Então, acabei de ler o livro e estou apaixonada haha ❤ Na verdade, quando comecei as primeiras páginas achei que este livro ia ficar um pouquinho a desejar (nunca gostei de livros assim). ME SURPREENDI TOTAL. O desfecho, os personagens, o caminho que a história tomou, tudo me cativou, me prendeu. Estou encantada com o Bodee, confesso haha ❤ E aquele cabelo colorido, como o meu ❤ Enfim, a história da Lex me ajudou muito. Courtney conseguiu tirar algumas dúvidas e alguns sofrimentos do meu coração, de verdade. Espero que todos que leiam também possam ser tocados. Livro incrível ❤

    ResponderExcluir
  11. Oin :3 Então, acabei de ler o livro e estou apaixonada haha ❤ Na verdade, quando comecei as primeiras páginas achei que este livro ia ficar um pouquinho a desejar (nunca gostei de livros assim). ME SURPREENDI TOTAL. O desfecho, os personagens, o caminho que a história tomou, tudo me cativou, me prendeu. Estou encantada com o Bodee, confesso haha ❤ E aquele cabelo colorido, como o meu ❤ Enfim, a história da Lex me ajudou muito. Courtney conseguiu tirar algumas dúvidas e alguns sofrimentos do meu coração, de verdade. Espero que todos que leiam também possam ser tocados. Livro incrível ❤

    ResponderExcluir

Veja os antigos!

Banner Publicidada – rodapé

Todos os textos, fotos e resenhas publicados são produzidos por e de uso exclusivo de No Mundo dos Livros. Exceto quando alguma matéria se baseia/inspira em alguma fonte, a mesma será sempre citada. Por isso, por favor, não copie nenhuma postagem sem a devida autorização.

Desenvolvimento com por