[Resenha] O Terror das Terras do Sul, de Caroline Carlson

17 fevereiro 2015
Postado por Livy

O Terror das Terras do Sul
Livro cedido pela editora para resenha
Série: A Quase Honrosa Liga de Piratas, Vol. 2
ISBN: 9788565765497
Tradução: André Czarbonai
Ano: 2014
Páginas: 384
Editora: Seguinte
Classificação: ♥♥♥
Em 'O tesouro da Encantadora', Hilary viveu grandes peripécias em alto - mar até encontrar o maior tesouro do reino, desaparecido havia muito tempo, e sua dona, a Encantadora das Terras do Norte. Como recompensa, recebeu um certificado de filiação à 'Quase Honrosa Liga de Piratas' e o título de 'Terror das Terras do Sul'. Neste novo volume da série, a Encantadora voltou ao seu posto, e Hilary acompanha a redistribuição dos objetos mágicos pelo reino. Mas o presidente da QHLP não está satisfeito - Hilary precisa se envolver numa atividade verdadeiramente pirática logo, como matar um monstro marinho ou derrotar um líder pirata num duelo, senão perderá seu título - e sua filiação à Liga. Antes que consiga recuperar sua reputação, a garota fica chocada ao descobrir que a Encantadora foi sequestrada. Contrariando as ordens do presidente da Liga, Hilary se junta à gárgula e a seus amigos para investigar o caso, ainda que resgatar Encantadoras não esteja na lista de atividades próprias a um pirata.

O Tesouro da Encantadora, primeiro livro da série A Quase Honrosa Liga de Piratas, foi uma grata surpresa que tive em 2014. Dos livros juvenis que li, com certeza foi um dos melhores e se tornou queridinho por mim. O Terror das Terras do Sul é o segundo volume da série, e me proporcionou mais uma ótima leitura.

~Se você não quer ler spoilers, vá para o quinto parágrafo ~

Hilary conquistou seu tão sonhado lugar junto à Quase Honrosa Liga de Piratas, se tornando, finalmente, uma pirata reconhecida e temida. Agora ela pode navegar livremente (e piraticamente) pelos mares, junto à sua fiel gárgula, orgulhosamente empunhando sua espada pirata.

Mas, segundo a Liga, Hilary não está tendo atitudes muito piráticas. Acontece que, apesar de ela ser O Terror das Terras do Sul, ela ainda não os convenceu, sendo que há algum tempo ela está "parada" sem ter feito nenhum feito pirata. O capitão Dentenegro, líder da Liga, a chama em seu navio e lhe dá sua primeira advertência. Ele lhe garante que, caso não comece a agir como uma verdadeira pirata - sendo destemida e pilantra, e indo atrás de alguma aventura -, e atingir três advertências, ela estará fora da Liga. Ele lhe dá a tarefa de derrotar um grande pirata ou matar uma fera nos mares. Seja como for, Hilary não concorda em nada com o que ele diz. Como pode ele achar que ela não é uma verdadeira pirata? Ok, ela vai ter que fazer o que ele pede, apesar de não concordar.

Só que, a Encantadora enviou uma carta para Jasper, avisando-o de um grande perigo que está rondando Augusta, e que ela precisa que ele vá ao seu encontro imediatamente. Acontece que Jasper está ocupado navegando, distribuindo o tesouro da Encantadora pelo reino. Então, Hilary deixa de lado sua empreitada de ser destemida para ajudá-la, e parte junto com Charles - e a gárgula, claro - ao encontro da Encantadora. Mas quando chegam na Escola da Senhorita Primm para Damas Delicadas encontram os portões fechados e inspetores da rainha investigando o local. A Encantadora foi sequestrada!

Hilary sabe que aqueles inspetores molengas, com seus pincéis e lupas jamais vão conseguir encontrá-la e que isto é serviço para uma verdeira e destemida pirata. Apesar do descontamento de Dentenegro sobre isto, ela sabe que não pode deixar amigos em apuros, além de ser uma atitude verdadeiramente pirata e corajosa. Então ela parte em busca de respostas e irá procurar por todos os cantos por pistas do que aconteceu com a Encantadora. Nesta aventura, Hilary descobrirá muito mais do que imagina, assim como verá que ser pirata vai muito além de pilantragem.

Realmente fico feliz quando uma sequencia é tão boa quanto o primeiro livro. Sou fã de histórias de pirata, e a premissa da série me encantou desde o primeiro livro, e continua me envolvendo ainda mais. Caroline Carlson continua sua história com um ritmo gostoso e cativante, cheio de humor, aventura e reviravoltas.

Hilary amadurece desde o primeiro livro, ela começa a perceber e rever certos valores sobre o que é realmente ser um pirata, assim como mantêm forte seus laços de amizade, que é o bem mais precioso que ela poderia ter - mais do que um tesouro pirata. Charles e a Gárgula continuam impecáveis nesta jornada, cativando com sua lealdade e perseverança. A Gárgula, como sempre está hilária, e ainda nos presenteia com os relatos do primeiro livro sob seu ponto de vista (ri muito). Neste livro também entra em cena, com mais destaque, a amiga de Hilary, Claire. Eu já gostava da personagem, mas neste volume tive ainda mais empatia com ela, que se mostra tão forte e destemida quanto uma pirata neste aventura.

Ah, e nem tenho como deixar de mencionar a belíssima edição! Mantendo a mesma qualidade do primeiro volume, está impecável! Capa original (linda); ilustrações no início de cada capítulo; a mesma leitura dinâmica de trechos de jornais, cartas, etc. durante o livro; título em alto-relevo, etc.

Já é de se esperar que um segundo volume não seja tão bom quanto o primeiro, mas não é este o caso. O Terror das Terras do Sul tem uma trama tão leve e divertida quanto o primeiro, e rica em tensão e aventura. Diversão garantida! Sem dúvida A Quase Honrosa Liga de Piratas é uma ótima dica para quem ama livros juvenis, histórias de pirata, e quer se divertir muito. Leitura para todas as idades. Vou continuar acompanhando a série, e as aventuras de Hilary e minha Gárgula do coração.


Veja também:
O Tesouro da Encantadora

Comentários via Facebook

1 Comentários:

  1. Adorei a resenha! Tenho muita vontade de ler essa série, ela parece ser bem divertida e piratas são sempre legais haha

    Beijos
    http://palavrasdeumlivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Veja os antigos!

Banner Publicidada – rodapé

Todos os textos, fotos e resenhas publicados são produzidos por e de uso exclusivo de No Mundo dos Livros. Exceto quando alguma matéria se baseia/inspira em alguma fonte, a mesma será sempre citada. Por isso, por favor, não copie nenhuma postagem sem a devida autorização.

Desenvolvimento com por