[Resenha] Zoo, de James Patterson & Michael Ledwidge

09 dezembro 2015
Postado por Livy

Livro cedido pela editora para resenha
ISBN: 9788580414424
Tradução: Cláudio Carina
Ano de Lançamento: 2015
Número de Páginas: 288
Editora: Arqueiro
Classificação: ♥♥♥
Uma misteriosa doença começa a se espalhar pelo mundo. Inexplicavelmente, animais passam a caçar humanos e a matá-los de forma brutal. A princípio, parece ser algo que se dissemina apenas entre as criaturas selvagens, mas logo os bichos de estimação também mostram suas garras e as vítimas se multiplicam. Apavorado, o jovem biólogo Jackson Oz assiste à escalada dos acontecimentos. Ele já prevê esse cenário alarmante há anos, mas sempre foi desacreditado por todos. Depois de quase morrer em uma implausível emboscada de leões em Botsuana, a gravidade da situação se mostra terrivelmente clara. Com a ajuda da ecologista Chloe Tousignant, Oz inicia uma corrida contra o tempo para alertar os principais líderes mundiais, sem saber se as autoridades acreditarão em um fenômeno tão surreal. Mas, acima de tudo, é necessário descobrir o que está causando todos esses ataques, pois eles se tornam cada vez mais ferozes e orquestrados. Em breve não restará nenhum esconderijo para os humanos… 

É James Patterson, autor internacional consagrado pela crítica e público, principalmente por seus livros com o personagem policial Alex Cross, agora de volta as nossas estantes com outro grande sucesso em coautoria com o escritor Michael Ledwidge, com o qual Patterson já tem publicado cerca de 13 livros. Solo, Ledwidge escreveu três livros.

Para os fãs de James Patterson, o estilo do autor é o suspense. Em Zoo, Ledwidge mantém a conexão com Patterson e nos apresenta um thriller que posto no fogo vai aquecendo lentamente até atingir o grau de ebulição. Tenso.

A trama gira em torno de Jackson Oz, um acadêmico de biologia e zoologia, não muito bem-visto entre os seus pares por defender algumas teorias "malucas" de que uma alteração genética nos mamíferos os está colocando em rota de colisão com os humanos. Dos Estados Unidos para a África, Jackson Oz vai investigar os casos de ataques de leões na savana africana e tentar encontrar respostas para os estranhos comportamentos de agressividade desses animais. A ele se junta a ecologista Chloe Tousignant, que por ele é salva, e ambos acabam unindo forças para desvendar esse mistério que pode levar a extinção da humanidade.

Zoo tem altos e baixos...

Particularmente, gostei mais da Chloe do que do Jackson Oz. Achei interessante a premissa de que algo assim possa acontecer de verdade, ainda mais considerando-se o quanto o homem, no meio científico, tem mexido com a Natureza. Mas, não gostei de ver animais que estão à beira da extinção sem colocados como vilões.

No mais, Patterson e Ledwidge cumprem bem a promessa de criar um thriller de suspense que vai se tornando tenso a medida que as descobertas de Jackson e Chloe provam que eles estavam certos. Porém, quanto ao final, acho que poderia ter tido um desfecho mais adequado.

Os capítulos são curtos e rápidos, como é visto em todos os livros do Patterson. Ele consegue escrever bem em poucas páginas o que muitos escritores não conseguem enchendo 400 ou 600 delas com futilidade literária.

Zoo deve ser visto não com os olhos de um leitor a procura de diversão, mas com o olhar preocupado de quem vê no livro uma oportunidade para perceber que a Natureza, em toda parte, pede socorro. Ainda mais, é oportuno salientar que tragédias como as da cidade de Mariana, MG, recentemente, mostram que o homem está interferindo com o destino do planeta de forma desmesurada e imprevidente.

Zoo é um alerta, para que tenhamos sempre em mente de que o que plantamos é o que colhemos. Quem semeia vento, colhe tempestade! Por isso, Zoo nos dá a dica de que em se tratando da Natureza, nós somos pequeninos e frágeis. Boa leitura! 

Comentários via Facebook

5 Comentários:

  1. Apesar de não ser meu estilo de livro, Zoo me pareceu interessante.
    Adoro animais e saber que tem um suspense em meio a coisas biológicas deixou a trama bem atrativa.
    Gostei do esclarecimento quanto ao que encontrar no livro. Se quiserem diversão melhor forcar em outro.


    Beijinhos
    Participe das Promoções lá no Blog:
    Promoção Leitura de Verão
    Aniversário ELB

    ResponderExcluir
  2. Oii Livy!

    Concordo muito com você quando finalizou dizendo que o ser humano não é praticamente nada comparado ao poder que a natureza tem nesse planeta. Ela é imensuravelmente maior e sofre como nós sofremos, mas de maneira diferente, porque traz muitas consequências que não podem ser previstas, nem de longe.

    Abraços! | Saphy | Facebook

    ResponderExcluir
  3. Olá,
    Eu estou de olho nesse livro, Livy. Sou fã de James.
    O autor, colocou um universo que gosto muito, o da bio. Espero que eu goste.
    Enfim, o enredo me despertou grande interesse.
    Beijos.

    http://www.leituradelua.com

    ResponderExcluir
  4. Esse livro parece ser bem interessante, eu tenho um receio de ler James Patterson depois que li a série Bruxos e Bruxas que achei um pouco chata. Mas tenho vontade de ler outro livro dele pra ver se consigo gostar do autor.



    https://colecionandohistoria.wordpress.com/

    ResponderExcluir

Veja os antigos!

Banner Publicidada – rodapé

Todos os textos, fotos e resenhas publicados são produzidos por e de uso exclusivo de No Mundo dos Livros. Exceto quando alguma matéria se baseia/inspira em alguma fonte, a mesma será sempre citada. Por isso, por favor, não copie nenhuma postagem sem a devida autorização.

Desenvolvimento com por