Trofeu Literário 2015

31 dezembro 2015
Postado por Livy


Nádia do blog Além do Livro e a Karina do blog Livros & Escritos criaram o Troféu Literário. A ideia é responder alguns tópicos e relembrar as melhores e piores leituras de 2015. Confira quais foram minhas maiores alegrias e minhas decepções literárias do ano:

Os Melhores e Piores:

O melhor livro
Nossa, como foi difícil escolher! Vendo quantos livro bons li este ano, vejo o quanto muitas das minhas leituras foram fantásticas. Mas aquele livro que mais me tocou, emocionou e me conquistou este ano foi Beleza Perdida, da Amy Harmon.

O pior livro
Graças a Deus este ano foi, em seu geral, um bom ano de leituras. Então, não aconteceu de concluir algum livro e considerar como o pior do ano. Mas teve uma leitura que abandonei porque não consegui levar pra frente, de tão ruim que achei: Rainha de Copas, da Colleen Oakes. Gente, este livro foi intragável para mim: personagens fracos e chatos (nenhum me cativou), enredo igualmente raso, diálogos insossos. Ganhou com toda a certeza o troféu de pior do ano.

O livro com a melhor capa
Este foi um ano em que muitas capas chamaram minha atenção.  Inclusive teve alguns livros em que eu coloquei na minha wishlist apenas pela beleza da capa. Mas ao ver esta categoria logo me veio um livro à mente: A Irmandade Perdida, da Anne Fortier. Eu gostei muito da suavidade e dos tons, além de que combina perfeitamente com a história.

O livro com a pior capa
Não vou me ater aos lançamentos, mas sim aos livros que li. Para mim, a pior capa foi: Deserto de Ossos, de Chris Bohjalian, publicado pela Companhia Editora Nacional. O livro é muito bom, mas a capa... que lástima! 

O livro que rendeu a melhor adaptação cinematográfica  
Alguns dos filmes que saíram este ano, das quais foram adaptados de livros, eu ainda não li. Mas vou eleger A Culpa é das Estrelas, pois eu amei o filme!

O livro que rendeu a pior adaptação cinematográfica  
Olha, dos livros que eu li, o píor para mim foi o filme Percy Jackson e o Mar de Monstros. Nada contra, mas que adaptação mais sem graça.

O título mais original
O título que mais me chamou a atenção este ano foi Fique Onde Está e Então Corra. Achei muito interessante e original.

O título mais nada a ver
Quem sou eu para julgar um título? hahahaha Não me recordo de nenhum em que eu olhei e pensei: WTF?

O melhor enredo
Foi difícil escolher, mas A Irmandade Perdidada Anne Fortie, ganha mais uma vez seu lugarzinho aqui. Que enredo fantástico e envolvente!

O pior enredo
Foi do livro Operação Perfeito, da Rachel Joyce. Sério! Que enredo fraco!

Os Queridinhos:

O meu personagem queridinho
Meu personagem queridinho... são dois, e ambos de Beleza Perdida: Ambrose e Bailey

O personagem que me deu nos nervos
Kelsey Hayes, da série A Maldição do Tigre, da Colleen Houck. Li O Resgate do Tigre e ela continua insuportável!!

O meu casal queridinho
Ai, que difícil escolher. Mas vou ficar com Jess e Ed do livro Um Mais Um, da autora Jojo Moyes. Casal mais fofo!

O casal que me fez querer vomitar
Sinceramente? Não estou lembrada de nenhum casal que tenha me deixado com vontade de vomitar! haha

O personagem coadjuvante que roubou a cena
Mais uma vez vou indicar Bailey de Beleza Perdida. Apesar de ser um personagem coadjuvante, ele rouba a cena em boa parte do livro e ainda foi responsável por arrancar muitas lágrimas de minha pessoa. Merece o troféu!

O personagem coadjuvante que eu mataria
Ui, que tópico forte! Mas, graças a Deus, pelo menos pelo que me lembre, neste ano não teve nenhum personagem coadjuvante que eu tenha tido vontade de matar. Agora, me pergunte se teve algum protagonista, daí conversamos! XD Mas, pensando melhor, só me lembro de um personagem coadjuvante (que não é tãoooo coadjuvante assim, mas...) que me deu um pouquinho nos nervos, e foi: Theo, do livro Mil Pedaços de Você, da Claudia Gray. OOOOOOOOOh, que carinha chato!

As Surpresas e Decepções:

O autor que mais me surpreendeu
Teve alguns autores, para não falar vários, que me surpreenderam este ano. Poderia fazer uma lista, na verdade. Porque, de verdade, muitas leituras eu comecei sem pretensão nenhuma, e, em sua maioria, esperando o pior. Mas tive muitas boas surpresas! Mas como só posso escolher um autor, então é Claudia Gray. Eu já tinha ouvido falar bem da autora, mas sua série de livros de vampiros nunca chamou minha atenção. Então quando li Mil Pedaços de Você, fiquei chocada em como ela escreve bem, e por fim o livro ainda se tornou uma das melhores leituras do ano. Depois li Estrelas Perdidas, que é um livro do universo expandido de Star Wars, e fiquei ainda mais surpresa! Ótima autora! Já recomendo!

O autor que mais me decepcionou
Como eu disse, eu comecei muitas de minhas leituras sem esperar muito, então não considero que algum autor tenha me decepcionado.

O livro que mais me surpreendeu
Este tópico aqui é praticamente um complemento do "O Melhor Livro"! E muitos livros me surpreenderam este ano! Mas tem um que quero muito mencionar, então ele ganha o troféu: O Príncipe dos Canalhas, da Loretta Chase. Eu AMO romances de época, mas confesso que os últimos que tenho lido têm me decepcionado um pouquinho por trazer mais do mesmo. Neste não, a autora traz um história recheada dos melhores elementos que fazem de um romance de época ser bom! Eu amei!

O livro que mais me decepcionou
Acho que o livro que me decepcionou um tanto foi Joyland, do meu divo Stephen King. Eu amo os livros do autor, e por isso já começo lendo seus livros com a expectativa lá nas alturas. Este livro foi um dos mais fracos que já li dele.

As Sensações:

O beijo que me fez suspirar
Que difícil! Foi do livro Beleza P.... Ops. Não, vou indicar outro livro desta vez:  Mil Pedaços de Você. Só tenho duas palavras para você: Marguerite e Paul.

O trecho que mais me marcou
Ah, cara.... já podemos terminar por aqui e vou indicar Beleza Perdida para todas as categorias e pronto! Eu não posso mencionar aqui o trecho em questão que me marcou pois seria spoiler para quem não leu, mas este livro está cheio de passagens e citações que me marcaram muito como leitura este ano!

A história que me inspirou

O livro que acabou com minhas lágrimas

A trama que me causou arrepios
Sem sombras de dúvida foi: Caixa de Pássaros, de Josh Malerman! *-* Tiveram cenas em que eu fiquei realmente arrepiada! Que livro angustiante! Do jeitinho que gosto. 

O livro que me deixou mais curiosa
Novamente vou votar em Caixa de Pássaros, pois a tensão da história, que me fez querer entender tudo o que estava acontecendo, me fazia continuar lendo o livro avidamente à procura de respostas!

A obra que me fez gargalhar
Vou indicar novamente Um Mais Um, pois o livro é hilário. Como eu dei risada com esta leitura!

A história da qual eu sinto mais saudades
Poxa! Beleza Perdida ¬¬

O crime que me pegou de surpresa
Ufa! Finalmente poderei indicar um livro diferente! Para mim foi do livro: Peter Pan Tem que Morrer, de John Verdon.

Os "Mais":

A leitura mais difícil
Uma das leituras que mais "arrastei" e foi difícil terminar: Operação Perfeito.

A leitura mais fácil
A leitura que mais fluiu para mim foi: A Morte de Sarai.

O livro que li mais rápido
Foi Caixa de Pássaros, porque precisava desesperadamente terminar o livro logo! Estava louca para saber o final!

O livro que mais demorei para ler
O livro que mais demorei para ler foi: A Viajante do Tempo, da Diana Gabaldon. Não porque o livro era ruim, gente! Pelo contrário, foi uma das minhas melhores leituras do ano! Mas sim porque o livro é muito grosso e eu fui lendo com calma.

E por fim...

Em 2015, minha meta pessoal era ler 100 livros (desconsiderem o Skoob) e terminei o ano com 120 leituras: Eu realmente tentei não colocar uma meta para mim, mas me propus a tentar, caso eu conseguisse. E foi lindo! Mas este total de livros lidos incluem HQ's, mangás e afins. Então considero que deste total de 120 lidos, pelo menos 80 foram de livros.

Para 2016, minha meta é... não ter meta! Sério! Estou tentando mudar algumas coisas na minha vida e acho que uma das principais é ficar criando expectativas! Isso depois gera frustração desnecessária! Para vocês terem uma ideia, as melhores e piores coisas que aconteceram na minha vida este ano não estavam em minhas metas ou planos para 2015. Mas simplesmente aconteceram! Fora que irei começar minha faculdade e meu tempo ficará um pouquinho mais limitado para as leituras, então prefiro não criar expectativas! Ao longo do mês de Janeiro/16 irei trazer vários posts com muitas novidades com relação ao blog e minha vida pessoal (pois os dois estão atrelados). Irei falar sobre tudo isso com vocês em breve. Mas podem ficar tranquilhos que são todas novidades boas!!! E antes que me perguntem: o blog vai continuar sim e as resenhas também!

Mas, se eu fosse estipular uma meta, seria de ler pelo menos 50 livros. Acho que é uma média boa! E se passar disso, estou no lucro! 

Espero que tenham gostado do Troféu Literário 2015! Eu amei responder as perguntas! Foi muito gostoso relembrar as leituras do ano! E me contem: vocês concordam com minhas indicações? Discordam?

Beijos e até o próximo post

Confira também:

Comentários via Facebook

3 Comentários:

  1. Oi, Livy!
    Bate aqui que Beleza Perdida também me marcou demais! *----* Ok, não a ponto de ganhar tantas categorias - até porque respondi um meme menor que esse, a retrospectiva literária comum mesmo -, mas foi uma história mesmo linda e concordo com todas as suas colocações sobre ela! ♥ O Bailey realmente ganhou a cena em muitos momentos e eu chorei com ele! E mesmo na tag que respondi hoje no meu blog, também teve quote marcante do livro, porque foi o que não saiu da minha cabeça entre todas as leituras do ano. Meu total, aliás, foi de 64 esse ano, e também gostei muito! *-----*
    Hum, e também vou procurar saber mais sobre esse Mil Pedaços de Você. Vi quando estava em fase de divulgação ainda, a capa e tal, mas não me chamou a atenção de imediato. Depois de suas indicações nesse post, vou procurar saber mais dele, quem sabe não me interesse e leia em 2016? De qualquer forma, ficou muito legal o post, e te desejo um 2016 de muita paz, saúde, felicidades e boas leituras também! *-----*
    Beijos!

    Sâmmy
    ♥ SammySacional.blogspot.com.br/ ♥

    ResponderExcluir
  2. Deopis de ler esse post, so tenho uma coisa a dizer. Preciso ler Beleza Perdida kkkkk
    Adorei suas escolhas Livy, Um Mais Um e Mil Pedaços de Você são livro que já estão na minha lista de livro para ler em 2016!

    ResponderExcluir
  3. Gente, que que tem nessa menina de A Maldição do Tigre que ninguém gosta dela? Hahahaha
    E acho, só acho, que você gostou de Beleza Perdida, hein???

    Mari
    http://www.pequenosretalhos.com

    ResponderExcluir

Veja os antigos!

Banner Publicidada – rodapé

Todos os textos, fotos e resenhas publicados são produzidos por e de uso exclusivo de No Mundo dos Livros. Exceto quando alguma matéria se baseia/inspira em alguma fonte, a mesma será sempre citada. Por isso, por favor, não copie nenhuma postagem sem a devida autorização.

Desenvolvimento com por