Peanuts, O Filme

19 janeiro 2016
Postado por Livy


Eu sou simplesmente apaixonada por Peanuts. Quem não conhece Snoopy, o cachorrinho mais famoso do mundo, e seu dono azarado Charlie Brown? Para quem não sabe, Peanuts surgiu como uma tira de jornal, escrita e desenhada por Charles Schulz, e foi publicada entre 1950 a 2000. Peanuts conquistou o mundo, ganhando o amor de dezenas de países, conquistando milhares de leitores e admiradores, e sendo traduzido para 40 línguas. 

Semana passada eu publiquei aqui no blog um post especial falando da edição belíssima de Peanuts Completo 1963 a 1964, publicado pela Editora L&PM. Neste post vocês podem ter uma noção da graça que são essas tirinhas e o trabalho de Schulz. Também tinha o desenho animado. Mas hoje vim falar de Peanuts, O Filme e quanto fofura transborda desta produção! Sério, já ganhou como o filme mais fofo do ano e da vida! 


A história de Peanuts neste filme é simples, nada de mirabolante, mas é aí que está a graça toda. Pois trouxe exatamente a essência do que é Peanuts e nos faz lembrar dos motivos que nos fazem amar esta turminha! Não consegui enxergar defeito algum, e a inocência e pureza do longa o faz se firmar como uma ótima opção de diversão para toda a família, para qualquer idade. 

Nele temos todos os personagens que admiramos e amamos, e suas personalidades são exatamente aquelas que conhecemos das tirinhas e do desenho. Tudo está ali! Em seus mínimos detalhes! Charlie Brown, continua sendo aquele garoto azarado do qual toda a turma tem vergonha (mas no fundo ama). Ele se mete em muitas confusões e frustrações. 


O coitado não consegue nem empinar uma pipa! Mas tudo parece piorar quando uma linda garotinha ruiva se muda para a casa de frente para a sua. Imediatamente, ele se vê curiosa a cerca da garota, e vê nela a oportunidade de começar do zero. Ou seja, alguém que não conhece seus defeitos e nem suas histórias mais vergonhosas. Ele vê nela a oportunidade perfeita de fazer uma amiga. Mas acaba se encantando e se apaixonando (que fofo).


Em paralelo temos Snoopy que anseia por uma ocupação, e acaba datilografando uma história. No decorrer do filme vamos conhecendo a história que ele está criando, que vai se mesclando e tem tudo a ver com os acontecimentos que se desenrolam com seu dono. O que achei legal aqui e que há muitas referências das tiras no filme. Por exemplo, Snoopy ajudando Charlie a aprender beisebol. Ele datilografando e assumindo a personalidade de um aviador, que combate o temível Barão Vermelho. Entre outras referências que eu não vou contar aqui para não perder a graça (espero que você as encontre ou as tenha encontrado). E eu simplesmente amei tudo isso! Fiquei realmente encantada com o cuidado que os criadores tiveram com a história, com as personalidade dos personagens e com as referências. Louvável!


Bom, voltando à história do filme, Charlie Brown tem e quer provar que é digno de admiração, confiança e de atenção, para que a garotinha ruiva possa gostar dele. E faz mil e um planos, mas quando chega na hora H, amarela. O coitado faz de tudo para se sair bem, mas acaba sempre em confusão. Sim, a história é basicamente esta. Charlie, ou Minduim, passa o filme em busca de firmação e de coragem para encarar a linda garotinha e seus medos.


Mas, em se tratando de Peanuts, você já pode e deve imaginar que o filme não se basta nisso. Temos lições valiosas de amizade, amor, companheirismo, paciência, determinação, coragem, altruísmo, humildade, sinceridade, etc., em todo o filme. Acho que este é um dos pontos altos do longa, a simplicidade que ele traz em sua trama é apenas uma mera ilusão, pois ele aborda assuntos tão bonitos e profundos, que terminamos o filme com o coração transbordando de emoção e lições valiosas. Charlie Brown e Snoopy nos garantem muito emoção, e Charlie vai conquistando seu espaço e superando suas limitações de uma forma tão genuína, que, gente, é muito fofo! E quando isto é reconhecido no filme (não vou dar spoilers), eu fiquei até mesmo emocionada. 


Enfim, não tem como eu comentar muito do filme sem soltar vários spoilers e acabar contando toda a história, o que perde a graça para você que ainda não viu. Mas, o que posso te garantir, é que você sendo ou não fã de Peanuts, com certeza vai amar o filme. Ele é leve e delicioso de assistir, o tempo passa voando e você, quando percebe, já está saindo da sala de cinema, mas com aquele aperto gostoso no peito da certeza de que viu um ótimo filme, e que quer mais!


Se você ainda não foi ao cinema para ver Peanuts, O Filme, fica aqui a minha forte recomendação de que vá logo, pois não se arrependerá. O filme é mega fofo e vale cada centavo. Afinal, você não vai querer perder Charlie Brown dançando, é impagável! Bom filme!

Beijos e até o próximo post!



Comentários via Facebook

10 Comentários:

  1. Oi Livy!
    Que post mais fofo, adorei saber mais sobre o filme e gostei muito das imagens que escolheu. Parece ser muito bom o filme.

    Beijos
    http://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oii Livy! Ah, como amo o 'Minduim! Ainda não assisti o filme, estou bem curiosa, que bom saber que manteram toda a essência e doçura da série e dos quadrinhos, adorei a resenha.
    Bjs
    poyozodance.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Oi, Livy!
    Esse é um dos meus filmes mais esperados do ano! Amei as fotos que você colocou.
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  4. Oi Livy! Tudo bem?
    Pretendo assistir ao filme essa semana e a cada opinião que leio fico mais empolgado. Fico feliz com a recepção dele e quando estava em produção e soube que Steve Martino é muito fã, além de chamar Craig e Bryan Schulz pra ajudar na essência da obra, comeceu a colocar minhas apostas numa película a altura do legado do Mr. Schulz. Ele deve estar feliz!

    Lindo texto!
    Beijo!

    ResponderExcluir
  5. Ai meu Senhor lkjdsjkdskljf primeiramente quero elogiar esse layout marabilhoso do blog, segundo, eu AMO o snoopy é tanto que eu coloquei esse nome como o nome do meu cachorro. Tudo isso é tão fofo, tão perfeito, a forma como o autor pegou bem os detalhes <3

    http://idealizandolivros.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. vi apenas o trailer, Livy, mas estou apaixonada desde sempre por essa turminha do balacobaco!


    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Li apenas um livro do Peanuts, e já nas primeiras páginas me encantei pela história. Quero assistir ao filme logo, parece muito delicado e encantador!

    Beijos! | ape56.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Olá, estou seguindo seu blog e acabei de criar o meu, gostaria de te convidar para visitar e se quiser seguir também.
    http://leitoresapx.blogspot.com.br/
    Beijos!

    ResponderExcluir
  9. Oi, tudo bom?
    Eu fiquei sabendo sobre o filme e com esse seu post me deu mais vontade ainda de assistir.
    Beijoo
    Edwirges

    ResponderExcluir
  10. Olá, Livy!
    Eu vou veeeer, tb sou apaixonada.
    O nome do meu dog que roubaram era Snoopy, em homenagem ao desenho.
    Tô doida pra ver, meu lado infantil não aguenta ver essas coisas que logo ativa o modo ansiedade.
    Adorei sua resenha, li com um sorrisão no rosto.
    Beijos.

    http://www.leituradelua.com

    ResponderExcluir

Veja os antigos!

Banner Publicidada – rodapé

Todos os textos, fotos e resenhas publicados são produzidos por e de uso exclusivo de No Mundo dos Livros. Exceto quando alguma matéria se baseia/inspira em alguma fonte, a mesma será sempre citada. Por isso, por favor, não copie nenhuma postagem sem a devida autorização.

Desenvolvimento com por